Cabo da Boa Esperança: Roteiro de Carro Saindo de Cape Town

Visitamos o Cabo da Boa Esperança por conta própria. Com um carro alugado saímos de Cape Town e fizemos um roteiro passando por vários pontos interessantes como Chapman’s Peak e Boulders Beach.

Cabo da Boa Esperança na África do Sul

Cabo da Boa Esperança na África do Sul

Desde as aulas de história, na infância, sempre tive curiosidade de conhecer o Cabo da Boa Esperança, no continente africano. O ponto mais a sudoeste da África que era o terror dos navegadores portugueses.

Inicialmente foi batizado como Cabo das Tormentas devido aos fortes ventos que praticamente inviabilizavam as navegações da época. Ao visitar o local pessoalmente pude comprovar que tal nome não foi um exagero. Os ventos são realmente fortes e constantes, mas o local é super interessante e muito bonito.

Mas antes de chegar a Cape Point existe um trajeto a ser feito também com vários locais de interesse. Saímos de Cape Town com um carro alugado e seguimos um roteiro preparado com antecedência. Nesse artigo vou dar todos os detalhes desse passeio e mostrar a melhor forma de aproveitar o dia.

Roteiro: Cabo da Boa Esperança

Este é um roteiro de bate-volta saindo da Cidade do Cabo e seguindo até o extremo sul da península, em direção ao Cabo da Boa Esperança. É um passeio de um dia inteiro, mas dependendo da sua programação e disposição, ainda seria possível fazer alguma coisa a noite em Cape Town.

A ideia é sair bem cedo do hotel para aproveitar ao máximo a parte da manhã. Dessa forma você consegue encaixar o almoço em um horário razoável e dividir bem o tempo em cada atração.

No mapa a cima eu mostro o roteiro de carro que fizemos e também marco os principais pontos de interesse. Se você pretende dirigir na África do Sul não deixe de ver esse outro artigo onde conto detalhes da nossa experiência. Tire suas dúvidas e confira várias dicas para dirigir na mão inglesa.

Para melhor compreensão deste roteiro até o Cabo da Boa Esperança, organizei o índice abaixo com todos os pontos de parada.


Optamos por fazer esse roteiro usando um carro que alugamos em Cape Town. Claro que existem opções de excursões em grupo e privativas, mas preferimos fazer por conta própria e aproveitar cada local com total liberdade.

Se você também vai fazer esse passeio por conta própria, é preciso tomar alguns cuidados na hora de alugar carro na África do Sul. Confira todas as nossas dicas sobre o assunto.

Maiden's Cove

Estávamos hospedados no President Hotel localizado em Sea Point. Iniciamos nosso roteiro seguindo de carro para o sul, acompanhando o litoral. Mas mesmo que você esteja hospedado em outra região de Cape Town, recomendo seguir o mesmo trajeto.

Se você quiser dicas de onde ficar em Cape Town confira esse artigo onde explicamos as características de cada bairro da cidade. Claro que também colocamos uma lista de sugestões de hotéis em cada região.

Bom, logo depois de Clifton, antes de chegar em Camps Bay, existe uma área chamada Maiden's Cove. O local oferece uma linda vista da cadeia de montanhas conhecida como Twelve Apostoles, ou em português, Doze Apóstolos.

Maiden's Cove no caminho do Cabo da Boa Esperança

Camps Bay e Twelve Apostoles vistos de Maiden's Cove

Não demos tanta sorte pois o tempo estava bem fechado nesse momento, mas ainda assim foi possível curtir a vista de Camps Bay com as montanhas no fundo. Esse ponto fica também muito próximo da Lion's Head e, num dia sem nuvens, será possível ver essa montanha de um ângulo diferenciado.

Ficamos certa de 15 minutos por ali e seguimos nosso trajeto. É uma parada rápida que faz parte do caminho, por isso acho que vale muito a pena.

Já contratou o Seguro Viagem?

Não corra riscos desnecessários e evite viajar preocupado, contrate um seguro viagem e aproveite ao máximo suas férias. Faça agora mesmo uma cotação na Seguros Promo e escolha entre as melhores seguradoras sempre com ótimo custo benefício. Aproveite essa oportunidade e tenha 5% de desconto utilizando o nosso cupom: PARAVIAGEM05

» Tire todas as suas dúvidas sobre o seguro viagem na África do Sul neste artigo. Qual o plano escolher? É obrigatório para entrar no país?

Chapman's Peak Drive

Nosso próximo ponto de interesse era a Chapman's Peak Drive, um trecho da estrada que fica na encosta da Chapman's Peak, de frente para o mar. Entretanto, antes de chegar lá você passará por alguns locais bem bonitos.

Além de cruzar Camps Bay, a estrada segue sempre entre as montanhas e o mar. O visual de Cape Town é único, aproveite cada momento.

Depois de dirigir um tempo você chegará a Hout Bay. O bairro é interessante com opções de restaurantes, passeios de barcos, feiras de artesanato e comidas típicas. Conheço pessoas que param nessa região com o intuito de explorá-la no mesmo dia do passeio ao Cabo da Boa Esperança.

Hout Bay vista da Chapman's Peak Drive

Hout Bay vista da Chapman's Peak Drive

Estivemos em Hout Bay numa outra oportunidade mas não achamos interessante encaixar essa visita nesse dia pois tomaria muito tempo. Afinal de contas, tínhamos também uma programação para o período da tarde, então seguimos nosso trajeto.

Enfim um dos trechos mais bonitos da estrada. Saindo da Baía Hout, entramos na famosa Chapman's Peak Drive, uma estrada costeira que contorna o Pico Chapman's. A cada curva uma visão mais bonita que a outra.

Existem vários pontos onde é possível estacionar o carro e apreciar a vista. Nossa programação original era passar direto e, quem sabe, parar nesses pontos apenas na volta. Porém, como o tempo estava um pouco melhor, preferimos aproveitar a oportunidade para já explorar essa região.

Pontos de Parada

Paramos em uns 3 pontos diferentes. O primeiro deles era um pequeno estacionamento com 4 ou 5 vagas do lado esquerdo da estrada. O carro ficou parado do lado da montanha e atravessamos a rua para ver melhor a vista. Se você olhar para trás consegue ver Hout Bay de frente e as montanhas ao lado. É uma paisagem deslumbrante.

Chapman's Peak Drive no caminho do Cabo da Boa Esperança

Chapman's Peak Drive

Túnel de pedra na Champan's Peak Drive

Túnel de pedra na Champan's Peak Drive

A estrada é bem sinuosa tendo uma pista apenas em cada sentido. Em determinado ponto existe uma espécie de túnel, protegendo a estrada de eventuais quedas de rochas das montanhas.

O segundo ponto que paramos era basicamente um recuo na estrada. Havia espaço para 2 carros apenas, no máximo 3. Subimos na mureta e tiramos várias fotos.

Por fim, paramos num local com um recuo grande, de frente para o mar, com várias árvores. Tem espaço de sobra para deixar o carro e novamente uma vista maravilhosa. Na verdade ao longo do trajeto existem outros pontos como este, mas passamos direto por alguns porque o visual era praticamente o mesmo e tínhamos ainda uma programação para cumprir no dia.

Carro estacionado na Chapman's Peak Drive

Carro estacionado na Chapman's Peak Drive

Casal na Chapman's Peak Drive

Casal na Chapman's Peak Drive

Um ponto em particular eu me arrependo de não ter parado. No Google Maps ele está marcado com o nome The Lookout Point. Na estrada haverá um recuo bem longo onde cabem certamente mais de 10 carros. Basta caminhar e subir pelas rochas de frente para o mar. No alto existe uma espécie de mirante com uma bela vista.

Vale destacar que existe um pedágio a ser pago no início da Chapman's Peak Drive. Se não me engano foi o único pedágio que pagamos nessa área da Cidade do Cabo.

Cape Point National Park

Ainda tinha um bom trecho de estrada para percorrer, mas nosso próximo destino era o Cape Point National Park onde fica o Cabo da Boa Esperança. O caminho mais curto vai te levar ao outro lado da península, de frente para a False Bay.

Cruzamos a Simon's Town, cidade que ainda visitaríamos a tarde, durante nosso retorno. Neste momento seguimos direto até o portão de entrada do Parque Nacional de Cape Point.

Entrada do Cape Point National Park

Entrada do Parque Nacional

É preciso pagar uma taxa de 303 rands por adulto. Crianças menores de 12 anos pagam meia entrada, no caso, 152 rands. Estivemos no local em julho de 2019 e esse valor havia sido atualizado recentemente. É importante ficar atento ao horário de fechamento do parque. Sair depois do horário vai acarretar numa multa de 500 rands.

Já dentro do parque, dirigimos por algum tempo e passamos por alguns trechos que estavam em manutenção. Nada que atrapalhasse o nosso roteiro.

Cabo da Boa Esperança

Seguimos direto para conhecer o famoso Cabo da Boa Esperança, assim batizado pelos portugueses na época das navegações.

Paramos o carro e ao abrir a porta do carro já fomos surpreendidos de imediado com os fortes ventos. Exploramos um pouco o lugar e tiramos nossa foto junto a placa do Cape of Good Hope.

Casal na placa do Cabo da Boa Esperança

Casal na placa do Cabo da Boa Esperança

Assim que chegar, garanta logo a sua foto na placa pois o espaço é disputado. Ao longo do dia vários ônibus param ali e uma leva de turistas descem para registrar o momento. Nesses momentos fica quase impossível tirar uma foto sozinho na placa.

Aproveitamos para explorar um pouco mais a região e seguimos por um caminho até o topo da rocha. É uma escada com trechos fáceis e outros mais inclinados. Não chega a ser difícil mas com ventos muito fortes pode ser um pouco perigoso.

Escadas para subir nas rochas

Escadas para subir nas rochas

Trilhas no Cabo da Boa Esperança

Trilhas no Cabo da Boa Esperança

Já no alto existe uma bifurcação. Para o lado esquerdo você segue uma trilha que dará acesso a Diaz Beach, praia que fica do outro lado das rochas. Seguindo a diante você consegue chegar caminhando em Cape Point. Não fomos por esse caminho pois nossa ideia era chegar em Cape Point de carro.

Fomos para o lado direito e seguimos uma trilha no meio das pedras até chegar no extremo sul da península. Mais uma vez é preciso ter muito cuidado pois alguns pontos não possuem proteção e o vento forte pode te desequilibrar.

Cabo da Boa Esperança: extremo sudeste da África

Ponto no extremo sudeste da África

O local é muito bonito com uma vista incrível das rochas e do mar aberto.

Cape Point

Voltamos para o carro e seguimos para Cape Point. A sensação de alívio ao sair da ventania foi grande. Lembre-se de levar um casaco com capuz, ou um gorro que proteja as orelhas.

Embora seja relativamente próximo, é preciso dar uma grande volta para chegar em Cape Point de carro. Retornamos boa parte do caminho e então seguimos por outra direção até o nosso próximo destino.

Cabo da Boa Esperança visto de Cape Point

Cabo da Boa Esperança visto de Cape Point

Nessa área as excursões fazem uma parada mais longa. Os ônibus estacionam e os turistas podem utilizar os banheiros, acessar lojinhas e até comer num restaurante.

Em Cape Point você encontra o antigo farol do cabo da boa esperança. Para chegar lá é preciso fazer uma caminhada por uma ladeira ou então utilizar o funicular. Com o intuito de ganhar tempo e poupar energia, pagamos 80 rands por pessoa para ir e voltar de funicular.

Mesmo depois de fazer todo o trajeto no funicular, para chegar ao antigo farol ainda é preciso subir vários degraus de escada. Mas essa região já faz parte da sua visita, então você pode ir explorando com calma enquanto vai subindo de patamar.

Subindo no Funicular de Cape Point

Subindo no Funicular de Cape Point

Escadas do Farol em Cape Point

Escadas do Farol em Cape Point

A vista para o Cabo da Boa Esperança é deslumbrante. Enfim, é possível ver a praia que fica entre os dois pontos, chamada de Diaz Beach.

Explore Bem a Região

Nas escadas que levam até o farol existem vários caminhos laterais. Quase que não passamos por essa parte, mas quando decidimos ir ficamos encantados com a vista dos penhascos. O farol antigo foi construído na parte mais elevada da montanha, no entanto ela segue em menor tamanho em direção ao oceano. Lá no final é onde se encontra hoje o novo farol, já bem próximo do mar.

Farol de Cape Point no Cabo da Boa Esperança

Casal no antigo farol de Cape Point

Penhascos enormes próximos as Cabo da Boa Esperança

Penhascos enormes em Cape Point

Depois de enfrentar muitos degraus e um vento constante, chegamos no farol. Certamente o ponto forte de lá é a vista 360° da região, sem falar de poder apreciar de perto os detalhes da construção.

Mesmo em um dia com muitas nuvens e vento nossa experiência foi muito legal. É muito interessante conhecer pessoalmente um lugar que você estudou na época da escola.

Onde Almoçar?

Muitas pessoas optam por almoçar em Cape Point. Existe essa opção mas em nossa programação havíamos incluído um restaurante que ficava num outro lugar.

Seguimos o trajeto de volta até Simon's Town, passando pelo litoral e curtindo a vista maravilhosa da região. Nesta cidade fica uma atração muito visitada, a Praia dos Pinguins.

Porém, antes de ver esses animais de perto, fomos almoçar no restaurante Seaforth. Paramos em um estacionamento público e caminhamos até o restaurante.

Restaurante Seaforth em Boulders Beach

Restaurante Seaforth em Boulders Beach

Pedimos um prato de massa para a Jaque e um peixe para mim. O custo ficou uma média de 100 rands por pessoa, fora as bebidas. Escolhemos nossa comida do menu, mas inicialmente a atendente nos ofereceu o prato do dia.

Fique atento! No Brasil normalmente o prato do dia é uma opção mais em conta, porém este não era o caso neste restaurante. A atendente explicou detalhadamente sobre o tal prato do dia e nós já estávamos até convencidos a escolhê-lo. Foi quando perguntamos onde ele estava no cardápio, justamente para verificar o preço. Ela disse que o prato do dia não constava no cardápio e então perguntamos o valor.

O valor por pessoa ficava em mais de 200 rands, mais que o dobro do que os valores dos pratos do cardápio. Agradecemos mas obviamente preferimos escolher nossa comida no menu.

A Jaque gostou muito da massa que pediu. Já o peixe com batatas que pedi estava também muito gostoso, mas a capa de fritura estava muito gordurosa. Acabei tirando uma parte mas ainda assim gostei da comida.

Boulders Beach

Nem foi preciso tirar o carro da vaga, já que a Boulders Beach fica ali ao lado. Nessa praia funciona uma colônia de pinguins e existe a possibilidade de visitação mediante ao pagamento de 152 rands por adulto. Crianças menores de 12 anos pagam 72 rands.

Colônia de Pinguins em Boulders Beach

Colônia de Pinguins em Boulders Beach

O local estava em obra mas não comprometeu nossa visita. Passando a entrada já seguimos por uma plataforma de madeira que nos levou até um grande deck na praia.

Você não tem acesso a areia, lá é o lugar dos pinguins. Essas plataformas te leva bem perto e então é possível registrar e apreciar uma infinidade de pinguins.

Respeite o espaço dos pinguins ficando sempre dentro da área permitida. Aprendi essa lição da pior forma. Para tentar fazer uma filmagem bacana para nosso canal no Youtube, estiquei o pau de self da câmera e comecei a registrar os pinguins mais de perto.

Eu sequer cheguei tão perto dos animais, era mais uma questão de tentar um ângulo diferente, mas logo fui abordado por uma senhora. Ela disse que era da associação de defesa de não sei o que. Ela foi bem dura, dizendo que eu não poderia perturbar os animais e inclusive que pegaria a minha câmera. Um outro rapaz chegou junto e reforçou o discurso.

Pinguins de Boulders Beach no Detalhe

Pinguins de Boulders Beach no Detalhe

O que mais eu poderia fazer a não ser pedir desculpas. Disse a verdade, que não sabia que existia essa restrição, mas que entendia sua necessidade e lamentava o ocorrido. Prometi não mais incomodar os animais e finalmente me "liberaram". Que vergonha!

Depois fiquei pensando e faz total sentido. Imagina se todas as pessoas que ali estavam esticassem o pau de self para filmar ou fotografar os pinguins. Fiquei me sentindo mal o resto do passeio.

Melhor lugar para ver os Pinguins

Estávamos viajando no inverno, num dia nublado com pancadas de chuva, e ainda assim este primeiro deck estava lotado.

É verdade, esse primeiro deck é o local onde você verá os pinguins mais de perto. Para tirar uma self você precisará de paciência, mas vale a pena o esforço.

A questão é que muita gente vai embora depois de visitar essa parte, mas existe um caminho que te leva para o outro lado da praia.

Pinguins nas areias de Boulders Beach

Pinguins nas areias de Boulders Beach

Turistas no Deck Observando os Pinguins

Turistas no Deck Observando os Pinguins

O caminho tem também uma plataforma de madeira passando por cima da mata. Lá você conseguirá ver muitos pinguins em suas tocas. É bem interessante poder vê-los dessa forma diferente.

Ao final do trajeto você chega a uma outra plataforma na praia, muito menos concorrida. Tiramos ótimas fotos de lá, pois estávamos sozinhos. É verdade que a maioria dos pinguins ficam do outro lado, mas você também verá alguns pinguins nessa parte da praia.

Pôr do Sol

Encerramos nossa visita a colônia de pinguins e agora nossa próxima parada seria o local onde veríamos o pôr do Sol. No roteiro inicial voltaríamos pela Chapman's Peak Drive, eventualmente até parando em alguns pontos, já com o Sol bem baixo, e veríamos o final da tarde em Camps Bay.

O problema é que a essa altura o tempo estava completamente fechado e até já caiam os primeiros pingos de chuva. Como já havíamos curtido a Chapman's Peak Drive na vinda e Camps Bay ficava relativamente próximo de onde estávamos hospedados, optamos por aproveitar o final desse roteiro de uma forma diferente.

Na verdade é uma programação que muita gente faz mas que nós havíamos desistido de incluir no roteiro do Cabo da Boa Esperança.

Muizenberg Beach

Fomos então em direção a Muizenberg Beach, uma praia que fica do lado de dentro da península, virada para False Bay. Dessa forma o caminho de volta seria por dentro e não pelo litoral Atlântico, por onde viemos.

A praia em si não é especialmente bonita mas tem um atrativo que agrada aos turistas. Uma série de casinhas coloridas na areia, de frente para o mar, são perfeitas para tirar fotos para o Instagram.

Selfie com as casinhas coloridas em Muizenberg Beach

Selfie com as casinhas coloridas em Muizenberg Beach

Mesmo com o tempo ruim fomos lá, já que seria um local que certamente não voltaríamos nessa viagem. Paramos o carro num estacionamento dessa cidadezinha e caminhamos até a praia. Por sorte a chuva deu uma trégua nesse momento.

Cumprimos o check list e tiramos as fotos nas casinhas coloridas de frente para a praia. Foi legal até, mas considero dispensável se você conseguir incluir uma outra atividade mais bacana para o final da tarde. Talvez se o tempo tivesse bonito até seria uma opção legal para o pôr do Sol.

Nós sempre viajamos assim, com a nossa programação principal e algumas opções alternativas e vamos adaptando o roteiro de acordo com as condições da viagem.

Essas e outras dicas você encontra no nosso artigo sobre o que fazer em Cape Town. Não deixe de conferir antes de organizar o seu roteiro.

Vale a Pena Conhecer o Cabo da Boa Esperança?

Nós gostamos muito desse passeio e acho inclusive que vale muito a pena fazê-lo de carro. Dirigir em Cape Town e nessa estrada em direção a Cape Point é uma sensação maravilhosa. Além do mais, o carro te da total liberdade para escolher os pontos de parada e ficar o tempo que achar necessário.

Alugar um carro pode ser uma ótima opção

A melhor forma de explorar um novo destino, com liberdade total, é alugando um carro. Em muitos casos você poderá economizar, evitando despesas com translados e deslocamentos em geral. Será que vale a pena? Faça uma cotação online na RentCars e encontre as menores tarifas entre as principais locadoras. Você tem a vantagem de poder pagar em reais, sem IOF, e ainda parcelar no cartão.

Em nosso retorno, já a noite, aproveitamos e paramos em um supermercado para comprar umas coisas. É o tipo de coisa que você só consegue fazer quando organiza o passeio por conta própria.

Havia pesquisado bastante sobre esse passeio mas nossa experiência no geral superou minhas expectativas. E olha que o dia não foi dos melhores. Esse é um passeio que recomendo muito, principalmente se for possível fazê-lo num dia de Sol.

E você, o que achou desse roteiro? Sentiu falta de alguma coisa? Ficou com alguma dúvida? Deixe o seu comentário.

Vai Viajar?

 Encontre o hotel perfeito para sua próxima viagem com garantia do menor preço. O nosso blog tem parceria com o Booking, serviço que te ajuda a comparar preços de hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura. Você ainda pode fazer uma reserva com a opção de cancelamento gratuito e deixar para pagar só na hora do check-in. Garanta sua reserva de hotel agora mesmo.

 Antes de alugar um carro, faça uma comparação entre as principais locadoras do Brasil e do mundo. A nossa parceira RentCars te ajuda nessa busca de preços e oferece todas as opções de forma rápida e segura. A cobrança poderá ser feita em reais, sem IOF. Divida em até 12 parcelas no cartão de crédito ou aproveite um desconto de 5% no boleto bancário. Compare os valores e economize.

 Não esqueça do seguro viagem. Economize tempo e dinheiro fazendo uma cotação na Seguros Promo. Encontre os melhores planos das principais seguradoras por preços imbatíveis. Pagamento no cartão de crédito em até 12 parcelas ou com desconto no boleto bancário. Ganhe 5% de desconto adicional comprando seu seguro com nosso cupom de desconto: PARAVIAGEM05.

 Compre um chip internacional e se mantenha conectado durante sua viagem. A AmericaChip oferece plano com conexão de internet ilimitada em mais de 130 países pelo mundo. Você escolhe a quantidade exata de dias da sua viagem, recebe o chip antecipadamente em sua casa e já chega no destino com tudo funcionando. Tenha um ótimo atendimento antes e depois da compra.

 Compre ingressos para atrações, shows, espetáculos, eventos, tours, passeios e muitas outras experiências com a GetYourGuide. A empresa, presente nos principais destinos, oferece vantagens como a garantia do menor preço e a possibilidade de reserva online antecipada, garantindo seus bilhetes antes da viagem.

Reservando com nossos parceiros, além de garantir o menor preço e um serviço de qualidade, você também ajuda a manter o blog e nos motiva a produzir cada vez mais conteúdo.

Galeria de Fotos:

Totos os direitos reservados