Como Utilizar o Transporte Público em Praga na República Tcheca?

Se você está indo para a capital tcheca, tem dúvidas de como fazer para locomover-se pela cidade e quer saber como funciona o transporte público de lá, então não perca esse post.

Transporte público de Praga

Transporte público de Praga

Um dos grandes baratos de visitar uma cidade por conta própria, sem ajuda de um guia turístico, é pode se misturar com a população local e viver um pouco do cotidiano daquele lugar.

E para conseguir se locomover mais facilmente, muitas vezes precisamos lançar mão do transporte público disponível para realizar os deslocamentos. E se a cidade for grande, então, vamos encontrar várias opções.

Praga não é muito grande e as atrações ficam relativamente perto uma da outra. É bem provável que você vá utilizar pouco o transporte público da cidade.

Mas também digo que, em algumas ocasiões, ele será de grande valia. Não só para poupar tempo no seu roteiro, mas também para facilitar alguns trajetos de subida, como no caso da visita ao Castelo de Praga, por exemplo.

E o serviço de transporte público da capital tcheca é muito bom e abrange alguns pontos estratégicos para os turistas.

Neste post trarei informações úteis e também dicas para que você possa desfrutar do transporte público de Praga sem entrar em nenhuma roubada.

Não perca também:

Roteiro de 3 dias em Praga

Dicas de Sobrevivência Para Quem Vai a Praga

O bilhete do transporte público de Praga

Bilhetes

Bilhetes

Não importa qual meio de transporte você utilizará na capital tcheca: o bilhete a ser utilizado é o mesmo.

Isso é uma facilidade não só para os moradores de Praga, mas principalmente para os turistas, que não estão acostumados com o esquema da cidade.

Os bilhetes (de papel) são por período de validade, ou seja, tem de 30 min, 90 min, 1 dia, 3 dias e assim por diante.

COMO VALIDAR O BILHETE? Basta introduzi-lo (na direção da seta no papel) no lugar próprio da máquina amarela que há na estação de Metrô e também dentro do Tram e do ônibus. Ela irá carimbar a data e o horário no bilhete.

Máquina de validação

Máquina de validação

Uma vez feito isso, guarde-o com você até o término da validade!

Digo isso não só para o caso de ser flagrado com algum fiscal pelo caminho, como também pela possibilidade de precisar dele uma 2ª vez antes de acabar a validade.

Cuidado! Se não validar o ticket e for pego no flagra por algum fiscal, prepare-se para receber uma multa pesada (e passar por um constrangimento).

ONDE COMPRAR O BILHETE? Ele pode ser adquirido nas bancas de jornal, lojas de conveniência (chamadas Trafika) ou então em máquinas próprias nas estações de metrô.

Quem for andar de Tram ou ônibus, não tem a opção de comprar com o motorista, ou seja, é necessário comprar antes de embarcar nesses veículos.

Ao utilizar as máquinas, não se preocupe: há a opção do inglês. Basta selecionar este idioma e seguir o passo-a-passo (selecionar o tipo de bilhete > colocar o dinheiro > pegar o bilhete > pegar o troco, se tiver).

Máquinas onde compramos os bilhetes do transporte

Máquinas onde compramos os bilhetes do transporte

Atenção! As máquinas só aceitam moedas. Por isso, se você for comprar a passagem, é bom já levar o valor trocado em moedas.

Descobri isso na 1ª vez que usei. E no meu caso, a estação que eu estava não tinha nenhum guichê onde eu pudesse trocar a nota por moeda. Precisei voltar pra rua e fazer isso numa loja.

Outra dica é que caso você esteja fazendo a transação na máquina e errar, basta apertar o botão "Storno" e a operação é cancelada imediatamente.

Prague Card

Prague Card

E O PRAGUE CARD? O passe turístico de Praga que dá direito a entrada grátis em algumas atrações e desconto em outras, também permite o uso ilimitado do transporte público dentro do período de validade dele. Há opções para 2, 3 e 4 dias.

Para que você possa fazer as contas e avaliar se ele vale mesmo a pena para o seu roteiro, confira algumas informações sobre o passe.

QUAL BILHETE COMPRAR? Aí vai depender do seu roteiro...

Como disse no começo, Praga é uma daquelas cidades que se faz quase tudo a pé, pois as atrações são relativamente perto umas das outras. É provável que você vá usar pouco o transporte público.

Bilhete de 30 min

Bilhete de 30 min

Por essa razão, geralmente acaba valendo mais a pena comprar os bilhetes de minutos (30 ou 90 min).

No meu caso, nos 3 dias que visitei Praga só utilizei o transporte público em 4 ocasiões. Se eu fosse adquirir um bilhete de 3 dias ia sair mais caro do que comprar 4 bilhetes avulsos de 30 min.

Para que você possa fazer as contas pro seu caso, confira os valores dos bilhetes oferecidos pelo site do transporte público de Praga.

O sistema de “zonas” do transporte público de Praga

Assim como ocorre em várias cidades europeias, o preço do bilhete varia de acordo com a zona da cidade que você quer ir de transporte público.

Por exemplo: se você for ficar só pelo centro paga um bilhete mais barato do que aquele que for utilizado para ir até a periferia da cidade (vai se deslocar mais e, por isso, paga mais).

Mas para o turista que visita a capital tcheca e só vai circular pelos bairros principais e ficar pelos pontos turísticos, não precisa se preocupar com isso: os bilhetes vendidos na cidade cobrem as zonas centrais e parte das periféricas – geralmente até a zona 2 ou 3 – que, provavelmente, você não vai nem chegar perto.

Planejando a sua rota em Praga

No site oficial do transporte público de Praga você encontra um formulário onde preenche o local de origem e o destino e ele calcula as opções para o seu caso. Simples e prático.

Apesar de o site ter a opção do idioma inglês, na hora de preencher os nomes dos lugares será preciso escrever o nome original, em tcheco – que é bem estranho e cheio de acentos, alguns desconhecidos para o português.

Mas, calma... Às vezes nem precisa escrever a palavra toda. Basta colocar algumas letras ou algo parecido e ele dá as opções automaticamente. E aí é só selecionar.

Para fazer o seu planejamento, confira os formulário no site oficial.

Como utilizar o Metrô em Praga?

Mapa do Metrô de Praga

Mapa do Metrô de Praga

O Metrô de Praga possui 3 linhas que cruzam entre si e são divididas por cores: a Linha A (verde), Linha B (amarela) e Linha C (vermelha).

O site oficial do transporte público disponibiliza o mapa em PDF para você baixar.

As linhas levam o turista a alguns pontos estratégicos de Praga, mas não cobrem exatamente todos os cantinhos da cidade, como acontece em outras capitais europeias. O bairro de Malá Strana, por exemplo, conta com apenas 1 estação próxima das atrações.

A sorte é que Praga é uma cidade pequena, feita pra fazer tudo a pé. Então o Metrô acaba sendo útil de qualquer forma, pois nos deixa pelo menos nas imediações dos pontos turísticos.

Para identificar uma saída de Metrô, basta procurar por placas que possuem uma letra M estilizada, como se estivesse em cima de um triângulo invertido.

Símbolo do Metrô na saída da estação "Karlovo Námĕstí", que pertence a linha B (amarela)

Símbolo do Metrô na saída da estação "Karlovo Námĕstí", que pertence a linha B (amarela)

Essas placas também apresentam a cor da linha e o nome da estação.

Uma vez lá dentro (e depois de comprar a passagem) é necessário validar o seu bilhete na máquina amarela que há na direção do acesso às plataformas.

Caso já o tenha validado em outra máquina antes e ainda estiver dentro do prazo, não precisa fazer nada. Mantenha-o guardado, caso algum fiscal te aborde. E cuidado para não deixar a validade vencer no meio da viagem!

Uma coisa que pode causar estranhamento em algumas pessoas é o fato de que não há catracas no Metrô. O que vemos são as tais máquinas amarelas presas em barras de ferro, no caminho para as escadas rolantes, confiando que a pessoa vá lá validar o bilhete.

Já contratou o Seguro Viagem?

Você sabia que quando se viaja para a Europa a contratação de um seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil euros é obrigatória? Então, faça agora mesmo uma cotação na Seguros Promo e escolha entre as melhores seguradoras sempre com o melhor custo benefício. Aproveite essa oportunidade e tenha 5% de desconto utilizando o nosso cupom: PARAVIAGEM05.

Para saber qual a plataforma certa, é preciso seguir as placas indicativas – que seguem o padrão de cores das linhas e apresentam setas e as letras de cada uma delas.

Isso é ótimo, porque tem algumas estações que atendem a mais de uma linha e pode acabar confundindo quem não esteja acostumado.

Até aqui tá tudo fácil e tranquilo. E aí, então, nos deparamos com umas “belezinhas” como da foto abaixo...

Placa informativa dentro da estação do Metrô de Praga

Placa informativa dentro da estação do Metrô de Praga

Essa placa aí até que está fácil, pois tem as palavras traduzidas em inglês. Mas isso não é unânime nas estações.

Vamos lá... Smĕr significa “direção” e Kolej significa “plataforma”.

A palavra Depo Hostivař e a Nemocnice Motol são os nomes das estações terminais, que estão nas extremidades opostas da linha.

Todo e qualquer Metrô utiliza as estações terminais como referência, para que o passageiro possa saber qual a plataforma correspondente à direção que ele precisa tomar.

Agora ficou fácil entender a placa da foto: você está entre 2 plataformas que corresponde a Linha A (verde). Se você estiver indo na direção da estação terminal Depo Hostivař, então deve seguir para a esquerda, para a plataforma 1. E se estiver indo em direção à estação terminal Nemocnice Motol, então deve seguir para a direita, para a plataforma 2.

Atenção! Algumas placas (mais antigas) podem ter a palavra Stanice (estação) entre Smĕr e o nome da estação terminal.

Escada rolante (íngreme) e a plataforma da estação Muzeum

Escada rolante (íngreme) e a plataforma da estação Muzeum

Dentro do Metrô, uma gravação vai anunciando os nomes das estações, conforme vai se aproximando delas.

Dentro do Metrô

Dentro do Metrô

Não se preocupe se você não entende nada de tcheco: há painéis eletrônicos no interior que também anunciam os nomes. Basta saber qual a estação que você precisará descer.

Há também uma placa com todo o itinerário daquela linha, para que você possa se guiar lá dentro do vagão.

Quando saltar do Metrô e quiser sair da estação, basta procurar pelas placas onde está escrito Výstup (que significa “saída”).

Como utilizar o Tram (o bonde) em Praga?

Tram (bonde) de Praga

Tram (bonde) de Praga

Pra mim, o transporte mais agradável da cidade, pois tem a grande vantagem de permitir que você vá apreciando a paisagem por todo o percurso enquanto faz o deslocamento.

Ele funciona como se fosse um “metrô de superfície” que vai parando em todos os pontos que compõem o seu trajeto.

Para identificar um ponto, basta procurar por postes vermelhos onde vemos o desenho de um bonde, um painel eletrônico, o nome do ponto e os itinerários das linhas que passam por ali.

Ponto do Tram

Ponto do Tram

O painel eletrônico informa as linhas (Linka) a direção (Smĕr) representada por uma seta. E também quantos minutos o Tram vai levar pra chegar ao ponto (Odjezd za min).

Quando o seu bonde se aproximar, não é necessário dar sinal. Eles param em todos os pontos do percurso.

Uma vez dentro do Tram, é preciso validar o seu bilhete na máquina amarela (igual a do Metrô) e guarda-lo até terminar a validade.

Dentro do Tram de Praga

Dentro do Tram de Praga

Caso já o tenha validado em outra máquina antes e ainda estiver dentro do prazo, não precisa fazer nada. Mantenha-o guardado, caso algum fiscal te aborde. E cuidado para não deixar a validade vencer no meio da viagem!

Da mesma forma que o Metrô, há um painel eletrônico informando o nome dos pontos e também uma placa com todo o itinerário daquela linha dentro do veículo.

Alguns bondes abrem as portas automaticamente. Mas há outros em que é necessário apertar um botão para abri-las. Fique atento(a) durante a sua viagem e observe como fazem as pessoas que forem saltar nos pontos antes do seu.

O Ônibus em Praga

Como em qualquer metrópole, há também o serviço de ônibus para o deslocamento pela cidade.

Eu não tive experiência com esse meio de transporte e não teria como dar minha visão sobre ele. Aliás, pelo que pesquisei antes de viajar, eles são pouco utilizados pelos turistas para circular em Praga, já que o Metrô e o Tram costumam ser bastante úteis.

Mas para compor o post, pesquisei na web e descobri que ele é bem parecido com o Tram, com relação às máquinas amarelas de validação, compra de bilhete antes de embarcar, painel eletrônico informativo e etc.

O ponto lembra o do Tram, só que há o desenho de um ônibus e as linhas estão informadas em uma placa comum (não eletrônica).

O ônibus de Praga e seu ponto

O ônibus de Praga e seu ponto

Algumas pessoas podem utilizar este serviço quando tiver que fazer o deslocamento entre Praga e o aeroporto.

As linhas 100 e 119 ligam algumas estações de Metrô de Praga até os terminais do Václav Havel Airport Prague. Veja qual o melhor itinerário pro seu caso aqui.

Airport Express (Bus AE) em Praga

Airport Express (Bus AE) em Praga

Outra opção é utilizar o Airport Express (ou Bus AE), um ônibus expresso que liga a estação ferroviária Hlavní Nádraží ao aeroporto. Ele sai a cada meia hora e leva 33 minutos até o destino final. O ticket é comprado direto com o motorista e não é possível utilizar o bilhete comum do transporte público para andar neste ônibus.

Confira todas as informações no site do transporte de Praga.

É seguro pegar taxi em Praga?

Pois é... Quando fiz minhas pesquisas pré-viagem, eu li em todos os lugares que o serviço não é nada confiável, pois os taxistas de lá costumam enrolar dos turistas e cobrar um valor maior pela corrida.

Taxi em Praga

Taxi em Praga

Por causa disso, não me arrisquei a pegar nenhum taxi na rua. Até porque, como citei várias vezes no post, quase tudo em Praga é feito a pé e quem quiser se poupar, tem a opção do Metrô e do Tram, que suprem essa necessidade com bastante eficiência. E ainda são mais baratos.

Mas aí tem a questão do deslocamento com malas – vindo do ou indo pro aeroporto ou estação ferroviária, por exemplo.

Eu cheguei a Praga de trem, vindo de Viena na Áustria. E como o meu hotel ficava a uma pequena caminhada da estação, fui puxando mala pela rua até chegar lá.

Como Praga era também a última cidade a ser visitada antes de voltar pro Brasil, precisei ir de mala e cuia pro aeroporto – uma situação em que o taxi costuma ser bem-vindo. Ainda mais que o meu voo era bem cedo: às 07:30 da manhã.

O que eu fiz? Apelei para a recepção do hotel e pedi que eles indicassem um taxi de confiança que me levasse até o aeroporto. O recepcionista me jurou que era confiável e, no final das contas, foi mesmo. A experiência foi boa.

Portanto, não vou entrar na polêmica se os taxis de Praga são bons ou não. Se você precisar do serviço deles, peça ajuda à recepção do seu hotel (ou pousada, hostel e etc). Essa é a maneira mais segura de conseguir um motorista de confiança – em QUALQUER lugar do mundo.

Vai Viajar?

 Encontre o hotel perfeito para sua próxima viagem com garantia do menor preço. O nosso blog tem parceria com o Booking, serviço que te ajuda a comparar preços de hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura. Você ainda pode fazer uma reserva com a opção de cancelamento gratuito e deixar para pagar só na hora do check-in. Garanta sua reserva de hotel agora mesmo.

 Antes de alugar um carro, faça uma comparação entre as principais locadoras do Brasil e do mundo. A nossa parceira RentCars te ajuda nessa busca de preços e oferece todas as opções de forma rápida e segura. A cobrança poderá ser feita em reais, sem IOF. Divida em até 12 parcelas no cartão de crédito ou aproveite um desconto de 5% no boleto bancário. Compare os valores e economize.

 Não esqueça do seguro viagem. Economize tempo e dinheiro fazendo uma cotação na Seguros Promo. Encontre os melhores planos das principais seguradoras por preços imbatíveis. Pagamento no cartão de crédito em até 12 parcelas ou com desconto no boleto bancário. Ganhe 5% de desconto adicional comprando seu seguro com nosso cupom de desconto: PARAVIAGEM05.

 Compre um chip internacional e se mantenha conectado durante sua viagem. A Easysim4u oferece planos sob medida na Europa com conexão de internet 4G franquias proporcionais ao número de dias do pacote. Você recebe o chip em sua casa, de forma antecipada, e chega em seu destino com tudo funcionando. Compre com 10% de desconto usando o nosso cupom exclusivo: PARAVIAGEM10.

 Compre ingressos para atrações, shows, espetáculos, eventos, tours, passeios e muitas outras experiências com a GetYourGuide. A empresa, presente nos principais destinos, oferece vantagens como a garantia do menor preço e a possibilidade de reserva online antecipada, garantindo seus bilhetes antes da viagem.

Reservando com nossos parceiros, além de garantir o menor preço e um serviço de qualidade, você também ajuda a manter o blog e nos motiva a produzir cada vez mais conteúdo.

Galeria de Fotos:

14 Comentários
  1. Sandro Schuster

    Olá,tenho uma dúvida se eu comprar o bilhete válido por 3 dias preciso valida-lo apenas no primeiro uso.Desde já agradeço.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Sandro!
      O ticket de 3 dias começa a valer no momento que vc validá-lo na máquina – que geralmente é na 1ª vez que usar o transporte.
      A máquina irá carimbar o dia e a hora e dali pra frente, seu bilhete começa a valer por 72h.
      Abs

  2. Valdir

    Fernanda, meus parabens pelo blog, e pela minuciosa explicacao desse assunto. Gostaria de lhe perguntar sobre o dinheiro na Repuplica Checa, voce trocou euros em alguma casa de cambio, ou sacou direto no caixa eletronico de algum Banco.
    Grato
    abs

  3. Flávio Lima

    Oi super completo o post , com dicas muito valiosas e bem explicadas. Eu tenho uma dúvida : Ao entrarmos por exemplo no metro , com um ticket de 90 minutos , deveremos validá-lo em uma das maquinetas, mas se fizermos uso de um outro transporte , ônibus por exemplo, ainda dentro dos 90 minutos , eu tenho que validar novamente o bilhete no ônibus.

  4. Gleicy Pereira

    Oie, Fernanda! Conheci o blog pesquisando dicas de Praga e cheguei até os seus posts. Lí todos e adorei! Vão me ajudar mto na minha aventura em Praga e Viena. Fico 3 dias inteiros em cada cidade. Mto obrigada por todas as dicas, roteiros, informações… tudo! Bjs.

    • Fernanda Rangel

      Eu que agradeço o elogio, Gleicy! 😀
      Vc já viu nosso conteúdo sobre Viena? Espero que esteja sendo útil tb.
      São 2 cidades encantadoras, adorei ambas! Mas fiz Viena em um total de 3 dias inteiros e me arrependi um pouco, pois não deu tempo de ir a muitas atrações que eu queria. Vou precisar voltar um dia pra fazer com mais calma.
      Bjs

  5. Fabiano

    Fernanda

    Li no site oficial de transporte público de Praga que usuários com mais de 70 anos estão isentos de tarifas. Só não entendi como se dá essa comprovação (se tem que fazer algum cadastro prévio e pagar alguma taxa ou simplesmente apresentar documento de identificação em caso de fiscalização. Pode esclarecer? Grato,

    • Fernanda Rangel

      Oi, Fabiano!
      Segundo o site oficial, basta mostrar o passaporte comprovando a idade. Nessa página aqui, basta rolar até o final e ver essa informação no item “Free Transport”. No 3º paragrafo, eles informam que o passaporte é um meio de comprovação.
      Abs

  6. Sergio

    Olá, boa tarde. Muito boas as dicas.
    Eu, minha esposa e dois filhos (19 e 14) viajaremos de Berlin até Praga via ônibus. A parada em Praga é na estação central Nadrazi. A questão é: onde conseguir coroas tchecas? Já vi alguns vídeos com orientações a não trocar na estação, pois cobram uma salgada taxa de 20%. E as máquinas para comprar os bilhetes só aceitam moedas, certo?
    E tem algo sobre as malas pagarem passagem também! Confere?

    • Fernanda Rangel

      Oi, Sergio!
      Mil desculpas pela demora. Estava viajando nas últimas semanas.
      Há várias casas de câmbio espalhadas por Praga e na estação de trem não é diferente. Antes de viajar pra lá, tinha lido que não era recomendado a troca nas casas da estação porque as taxas do câmbio são maiores por lá. Mas não li nada dizendo que seriam pouco confiáveis. Não saberia te dizer se isso procede, pois não fiz o câmbio por lá, mas por ser um lugar meio “óbvio” (já que ela recebe trens de vários países), acredito que essa informação seja mesmo verdadeira.
      Quanto as máquinas, elas só aceitavam moedas de coroas tchecas. Mas lembro que algumas estações tinham guichê com funcionário, que trocava o dinheiro. Mas não sei se tem em todas.
      Quanto às malas, nada é cobrado nos trens. O que sei é que a cobrança, quando acontece, é com relação aos taxis – um serviço não muito confiável em Praga, segundo reza a lenda…
      Abs

  7. Livia

    Olá!! Li em outro blog que as maquinas de tickets nas estações aceitam também cartão de crédito. Ou não? obrigada

    • Fernanda Rangel

      Oi, Livia!
      Na época que visitei, não tinha essa opção de usar cartão de crédito nas máquinas…
      Mas como isso foi há 3 anos e meio atrás, fui dar uma pesquisada no site oficial e, ao consultar o manual de como usar as maquinas, não encontrei nada que falasse em uso de cartão de crédito ou débito. Dá só uma olhada aqui (as informações estão em tcheco e inglês).
      Por via das dúvidas, eu reservaria um dinheirinho para o transporte público. Se chegar lá e descobrir que agora eles aceitam cartões, ótimo. Mas caso contrário, vc já estará prevenida. 😉
      Abs

Totos os direitos reservados