Diário de Viagem – Veneza: do Passeio de Gôndola ao Palácio Ducale

Em meu último dia em Veneza, fiz o tradicional passeio de gôndola pelos canais e conheci um pouco mais da história da cidade, visitando o Palácio onde residiram os governantes.

Gôndola no Grande Canal

Gôndola no Grande Canal

Após o café da manhã no Hotel La Locanda di Orsaria, saímos em direção à estação do vaporetto em frente ao terminal ferroviário Santa Lucia, para curtir o nosso décimo dia na Itália. Existem dois pontos de partida de vaporettos ali. À direita do Terminal está o ponto da linha 1; à esquerda fica o ponto da linha 2.

Seguimos para a estação do lado direito do Terminal para pegar a linha 1 do vaporetto (percurso Piazzale Roma – Lido).

Obs: Atrás da bilheteria da linha 1 existem dois pontos de embarque do vaporetto. A do lado direito é para quem quer seguir no sentido Lido. A do lado esquerdo é para quem está retornando para a Piazzale Roma. Compramos um bilhete de 24h (20.00 euros) e nos direcionamos ao ponto de embarque, à direita da bilheteria (sentido Lido) que percorre todo o Grande Canal.

Bilheteria do vaporetto

Bilheteria do vaporetto

Observe as placas indicativas das linhas de vaporetto e o letreiro luminoso que marca o tempo do próximo barco. Não deixe de conferir outras informações sobre como locomover-se em Veneza, aqui no blog.

Sentamos na proa do vaporetto e fomos contemplando a orla do Grande Canal e observando os belos palácios e pontos turísticos mais importantes. Recomendamos esse passeio panorâmico por todo o Grande Canal.

Igreja San Simeone Piccolo - Ca' Pesaro - Ca'Doro

Igreja San Simeone Piccolo - Ca' Pesaro - Ca'Doro

De cara, avistamos a Igreja San Simeone Piccolo, cuja fachada é inspirada no Pantheon e a cúpula lembra a da igreja de Santa Maria della Salute (que veríamos ao final da travessia).

À diante, localizamos o Ca' Pesaro, sede da Galeria Internacional de Arte Moderna e do Museu de Arte Oriental de Veneza. Em seguida, identificamos o Ca’Doro, outro palácio da idade média que hoje abriga um importante museu. Logo à frente passamos por baixo da Ponte Rialto.

Depois, passamos por um belo palacete inacabado que abriga a Coleção Peggy Guggenheim, um acervo pessoal de arte moderna da sobrinha de Solomon Guggenheim. Mais adiante avistamos o Ca’Rezzonico, um dos mais famosos palácios de Veneza, que atualmente abriga um museu público dedicado ao século XVIII veneziano.

Coleção Peggy Guggenheim - Ca'Rezzonico - Accademia

Coleção Peggy Guggenheim - Ca'Rezzonico - Accademia

Logo à frente passamos pela Accademia, um dos museus mais importantes de Veneza que conserva o maior acervo de obras de artistas venezianas do mundo, além de trabalhos de outros artistas italianos importantes como Veronese, Bellini, Tintoretto, Tiziano, Vasari etc. Lá também está o famoso desenho “O Homem Vitruviano” de Da Vinci, mas não fica exposto.

ATENÇÃO: Muita gente vai a este museu só por causa desta obra sem saber que ela não fica exposta, sendo preciso agendar visita especial para vê-la.

Basílica de Santa Maria della Salute

Basílica de Santa Maria della Salute

Saltamos na estação em frente à Basílica de Santa Maria della Salute, uma igreja barroca considerada um dos mais importantes marcos arquitetônicos de Veneza. A igreja foi construída sob um milhão de estacas de madeira, em comemoração ao fim da peste negra que dizimou metade da população local em 1630.

Depois de visitar o interior da igreja, seguimos caminhando pela sestiere de Dorsoduro em direção à Ponte dell’Accademia, onde há uma estação de vaporetto. Não sei se porque era domingo, mas havia muitas lojas fechadas e a região estava meio deserta. A impressão que dava era que alguns locais estavam meio abandonados, completamente diferente da movimentação que havia visto na véspera, nas sestieres do Cannaregio, San Polo, Santa Croce e San Marco, por onde passei.

Gôndolas de Veneza

Gôndolas de Veneza

Ao passar por uma ponte avistamos um gondoleiro simpático e fechamos o passeio de gôndola por 80 euros por um período de 40 min. O preço, segundo ele, era tabelado (ele nos mostrou um folheto com a tabela), mas sei de gente que já pagou mais caro e também mais barato. Mas isso depende também da época do ano, se alta ou baixa temporada.

O passeio de gôndola é algo muito tradicional em Veneza e há quem o considere obrigatório. No meu caso, tinha uma razão maior, pois estava com minha esposa e queria fazer algo romântico. No entanto, acho que a localização onde pegamos a gôndola não era a ideal, pois passamos por uns canais meio feios, além de não termos passado nem sob a Ponte Rialto, nem sob a Ponte dos Suspiros. Mas no final das contas o passeio valeu a pena e cumprimos o ritual.

Passeio de gôndola pelos canais de Veneza

Passeio de gôndola pelos canais de Veneza

DICA: Caso você decida fazer o passeio de gôndola sugiro que procure um gondoleiro na sestiere de S. Marco, onde há canais mais bonitos e movimentados. Além disso, antes de fechar o passeio, pergunte ao gondoleiro qual o itinerário que ele irá fazer para não se decepcionar.

Gôndolas de Veneza

Gôndolas de Veneza

De volta ao ponto de partida da gôndola, saltamos e seguimos caminhando até a Ponte dell’Accademia onde pegamos novamente a linha 1 do vaporetto (sentido Lido) e saltamos na Praça de San Marco, para a nossa próxima atração, o Palácio Ducale.

O Palácio, fundado no século IX era a residência oficial dos governantes, os doges (ducale) de Veneza.

A visita ao Palácio pode ser feita com tranquilidade por três horas. O museu possui três andares e é dividido em diversos saguões e câmaras, cada qual ocupado por um órgão do governo da época. As salas são decoradas com magníficas pinturas nos tetos e paredes. Durante o percurso da visita, você vai sendo levado naturalmente a todos os cômodos do museu. Os destaques são:

Já contratou o Seguro Viagem?

Você sabia que quando se viaja para a Europa a contratação de um seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil euros é obrigatória? Então, faça agora mesmo uma cotação na Seguros Promo e escolha entre as melhores seguradoras sempre com o melhor custo benefício. Aproveite essa oportunidade e tenha 5% de desconto utilizando o nosso cupom: PARAVIAGEM05.

Escadaria dos Gigantes - liga o pátio interno ao primeiro andar do palácio. Observe as estátuas em mármore de Marte e Netuno, esculpidas pelo artista Sansovino e que simbolizam o poder e o domínio sobre a terra e sobre o mar.

Sala dell'Anticollegio – paredes com cenas mitológicas e a pintura ‘Rapto de Europa’ de Veronese.

Sala das Armaduras - com um belo acervo de armaduras de guerra e armas.

Sala Del Maggior Consiglio - um enorme salão, um dos maiores da Europa, onde se reuniam membros do Grande Conselho de Veneza, integrado por 2 mil pessoas, dentre os nobre veneziano que fossem maiores de 25 anos e não fossem casados com uma plebeia. No local está a obra ‘Paraíso’, de Tintoretto uma das maiores pinturas do mundo.

Ponte dos Suspiros - assim chamada por ser a última passagem dos condenados para a prisão, depois de serem julgados. No final do percurso do museu, somos levados até o interior desta ponte e em seguida às celas onde ficavam os prisioneiros.

Porta della Carta – um enorme portão gótico do século XV localizado na lateral direita do palácio, próximo da Basílica de San Marco.

Palácio Ducale: Escadaria dos Gigantes - Sala Del Maggior Consiglio - Vista de dentro da Ponte dos Suspiros

Palácio Ducale: Escadaria dos Gigantes - Sala Del Maggior Consiglio - Vista de dentro da Ponte dos Suspiros

Após sairmos do Palácio Ducale retornamos até a Praça de San Marco, e pudemos perceber que estavam se formando poças por toda parte, fenômeno comum em Veneza (a famosa aqua alta).

"Aqua alta" na Praça de San Marco em Veneza

"Aqua alta" na Praça de San Marco em Veneza

Era cerca de 14h30min e fomos caminhando pela sestiere de San Marco procurando um lugar para almoçar, pois a fome já estava apertando, quando avistamos um restaurante que nos agradou, chamado Al Teatro Goldoni (Calle del Lovo, 4747). Na porta havia uma hostess que apresentou o cardápio com a foto de todos os pratos. Acabamos almoçando por ali um calzoni de queijo com presunto e champignon muito bem servido e de massa bem leve e muito saborosa (não lembro exatamente o preço, mas não deve ter passado de 13 euros). Depois do almoço tomamos um gelato de doce de leite com iogurte, que estava uma delícia, na gelateria em frente.

Restaurante Al Teatro Goldoni e a Gelateria

Restaurante Al Teatro Goldoni e a Gelateria

Depois do almoço continuamos nossa caminhada, em direção a Ponte Rialto onde pegamos mais uma vez o vaporetto, desta vez, a linha 2 (sentido Lido) e fomos apreciando a paisagem ate o ponto final. Na verdade eu não sabia onde ficava o Lido e deixei por conta da sorte.

Lido é um balneário que separa a laguna de Veneza do mar. Lá acontece o Festival Internacional de Cinema de Veneza. É lá também que fica o cassino mais antigo do mundo, inaugurado em 1630.

Laguna de Veneza vista do Lido

Laguna de Veneza vista do Lido

Foi um passeio bem agradável. De lá tivemos uma bonita vista panorâmica de toda a orla sul de Veneza.

Fizemos todo o percurso de volta no mesmo vaporetto até a estação Rialto, onde saltamos e continuamos nossa caminhada pelos labirintos de Veneza sempre seguindo as placas na direção “La Ferrovia”. No caminho paramos numa praça muito aconchegante, chamada Campo de San Polo, sentamos num bar (“Birraria La Corte”) para tomar um drink e observar o movimento de pessoas passando e crianças brincando.

Birraria no Campo de San Polo em Veneza

Birraria no Campo de San Polo em Veneza

Já começava a anoitecer e seguimos em direção ao hotel, seguindo as placas e contemplando aquele labirinto de surpresas.

À noite, pegamos novamente a linha 1 do vaporetto em direção a Praça de San Marco para ver a cidade iluminada à noite, apesar de saber que os prédios às margens do Grande Canal não ficavam iluminados, o que foi um pouco frustrante.

A grande e agradável surpresa, no entanto, aconteceu quando chegamos na Praça de San Marco. Em três diferentes pontos havia Cafés com palcos montados e orquestras se apresentando para os clientes e consequentemente para o público que passava e parava para assistir em pé.

Orquestra da Praça de San Marco

Orquestra da Praça de San Marco

Os músicos alternavam-se nas suas apresentações (2 ou 3 músicas de cada vez) numa espécie de “duelo” e quando um grupo parava, todos os que estavam em pé iam em direção àquele que estava começando a tocar. Os músicos tocavam flauta, piano, violino, violoncelo e acordeom. A cada música que eu identificava, aumentava ainda mais a vontade de ficar ali. O tempo passou tão rápido que quando vimos, já era mais de 23h e corremos pro vaporetto de volta pro hotel porque no dia seguinte teríamos que acordar muito cedo para seguir nossa viagem com destino a Milão. Programa imperdível!!

Veneza, definitivamente deixará saudades.

Vai Viajar?

 Encontre o hotel perfeito para sua próxima viagem com garantia do menor preço. O nosso blog tem parceria com o Booking, serviço que te ajuda a comparar preços de hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura. Você ainda pode fazer uma reserva com a opção de cancelamento gratuito e deixar para pagar só na hora do check-in. Garanta sua reserva de hotel agora mesmo.

 Antes de alugar um carro, faça uma comparação entre as principais locadoras do Brasil e do mundo. A nossa parceira RentCars te ajuda nessa busca de preços e oferece todas as opções de forma rápida e segura. A cobrança poderá ser feita em reais, sem IOF. Divida em até 12 parcelas no cartão de crédito ou aproveite um desconto de 5% no boleto bancário. Compare os valores e economize.

 Não esqueça do seguro viagem. Economize tempo e dinheiro fazendo uma cotação na Seguros Promo. Encontre os melhores planos das principais seguradoras por preços imbatíveis. Pagamento no cartão de crédito em até 12 parcelas ou com desconto no boleto bancário. Ganhe 5% de desconto adicional comprando seu seguro com nosso cupom de desconto: PARAVIAGEM05.

 Compre um chip internacional e se mantenha conectado durante sua viagem. A Easysim4u oferece planos sob medida na Europa com conexão de internet 4G franquias proporcionais ao número de dias do pacote. Você recebe o chip em sua casa, de forma antecipada, e chega em seu destino com tudo funcionando. Compre com 10% de desconto usando o nosso cupom exclusivo: PARAVIAGEM10.

 Compre ingressos para atrações, shows, espetáculos, eventos, tours, passeios e muitas outras experiências com a GetYourGuide. A empresa, presente nos principais destinos, oferece vantagens como a garantia do menor preço e a possibilidade de reserva online antecipada, garantindo seus bilhetes antes da viagem.

 Encontre as melhores datas para a sua próxima viagem e economize na hora de comprar as passagens aéreas. Usando a plataforma do Passagens Promo você pode pagar com cartão de crédito em parcelas sem juros e sem cobrança de IOF. A empresa conta ainda com selo de qualidade no atendimento. Agora não tem mais desculpe, partiu Veneza!

Reservando com nossos parceiros, além de garantir o menor preço e um serviço de qualidade, você também ajuda a manter o blog e nos motiva a produzir cada vez mais conteúdo.

Não deixe de acompanhar meu diário de viagem pela Itália nos links abaixo:

Dia 1 – Roma: Chegando na Itália

Dia 2 - Roma: da Fontana di Trevi a San Giovanni in Laterano

Dia 3 - Roma: do Coliseu aos Museus Capitolinos

Dia 4 - Roma: da Basílica de São Pedro ao Pantheon

Dia 5 - Roma: Museus do Vaticano e Galleria Borghese

Dia 6 - Pisa e Florença: da Torre de Pisa ao Duomo de Florença

Dia 7 - Florença: do Davi de Michelangelo à Galleria degli Uffizi

Dia 8 - Florença: da Piazzale Michelangelo aos Jardins de Bóboli

Dia 9 - Veneza: da Ponte Rialto à Praça de San Marco

Dias 11 e 12 - Milão: Duomo, Parque Sempione e Última Ceia

Se tiver alguma dúvida ou sugestão, não deixe de fazer seu comentário abaixo. Agradecemos sua participação.

Grande Canal em Veneza

Grande Canal em Veneza

Galeria de Fotos:

4 Comentários
  1. CLARISSE

    ESTOU DE PARTIDA PARA VENEZA.ONDE JÁ FUI 7 VEZES E SEMPRE TENHO COISAS PARA VER,MAS OS VOSSOS COMENTÁRIOS FORAM ME MUITO UTEIS .OBRIGADA

  2. CLARISSE

    muito obrigada pelas dicas

  3. Sandra

    Fui na praca San Marco para pegar uma gondola e me ofereceram um passeio normal por 80 euros (durando 30 min) e outro passeio “maior” por 120 euros (durando 40/45 min). Tentei pechinchar, mas o gondoleiro que no começo parecia amigavel depois ficou agressivo e ate saiu de perto resmungando porque nao queria tomar prejuizo. Os outros gondoleiros vieram que nem abutres tentar nos convencer de que era um bom passeio e para fecharmos logo o passeio com o gondoleiro da vez, mas acabamos nao fechando pelo mau humor dele. No meio da praça fomos abordadas por outro gondoleiro que disse que faria ompasseio maior por 80 euros e fechamos com ele. Ele mal explicou sobre a cidade pra gente durante o passeio e durante o caminho vimos outros gondoleiros tambem que mal falavam com seus clientes. O passeio realmente correspondia ao passeio maior, mas o trajeto de 40/45 min na verdade corresponde a ida e volta. Ou seja, so andamos uns 15/20 min da praça San Marco e ja voltamos logo em seguida pelo mesmo caminho (e o trajeto da volta tambem demorou 15/20 minutos). Nao achei que valeu a pena. Acho que passeando a pe por Veneza vale muito mais a pena do que andar de gondola que sinceramente nao achei nada demais e nenhum um pouco romatica como nos filmes e reportagens.

Totos os direitos reservados