Dicas de Paris: Criando Um Roteiro Para o Louvre

Para você que pretende visitar o Louvre em Paris e quer uma sugestão de como montar um roteiro e dicas sobre as obras mais procuradas do museu, então não perca este post.

Museu do Louvre

Museu do Louvre

Tão procurado quanto a Torre Eiffel, o Arco do Triunfo e Notre Dame, o Museu do Louvre é uma atração realmente imperdível. É um dos maiores e mais importantes museus do mundo.

O acervo é tão grande que seriam necessários uns 5 dias, no mínimo, para conseguir ver tudo. Mas é claro que nenhum turista tem tanto tempo disponível para isso...

O que a maioria acaba fazendo é reservar 1 dia inteiro (o ideal) ou meio período (uma manhã ou uma tarde) para visitá-lo.

Quem preferir fazer meio período deve levar em consideração o seguinte: o Louvre é gigantesco, muito fácil de se perder e, ainda por cima, é lindo – você vai acabar parando para apreciar várias obras que não estavam no seu roteiro.

Se o visitante não tiver um planejamento prévio ou foco naquilo que quer ver, com certeza vai ficar mais tempo do que tinha previsto.

Museu do Louvre

Museu do Louvre

Em 2011, num “bate-e-volta” que fiz de Londres para Paris, reservei 2 horas para o Louvre, pois queria ver apenas 3 obras: a Mona Lisa, a Victoria de Samotrácia e a Venus de Milo. Como era pouco, deixei para avaliar o mapa lá na hora e ver no que dava.

E o que aconteceu? Acabei levando o dobro do tempo lá dentro. E sem perceber!

Voltei à Paris no ano seguinte e reservei 1 dia inteiro para o Louvre. Foi infinitamente melhor, pois fiz tudo com mais calma e tive mais tempo para apreciar e encontrar obras belíssimas, que não tive a oportunidade de ver na primeira vez. Tudo porque eu tinha mais tempo e um planejamento.

Além do mais, era meu sonho: tirar 1 dia inteiro para conhecer o Louvre, devagar. Afinal, não é todo dia que temos a oportunidade de visitar um dos maiores museus do mundo, não é?! Eu precisava desfrutar este momento...

Sei que um passeio sem roteiro pode revelar belas surpresas, mas por outro lado, pode fazer com que você perca um tempo precioso. E, numa viagem deste porte, tempo é dinheiro, não é verdade?

Como priorizar o tempo no Louvre?

A única forma de fazer isso é dando uma estudada no mapa do museu antes da visita.

Tem gente que faz isso lá na hora, antes de começar o passeio pelas salas. Se você tiver facilidade para decifrar e entender mapas, pode ser uma boa ideia.

Minha opinião: independente se você reservou meio ou 1 dia inteiro para visitar o Louvre, a última coisa que vai querer é perder tempo decifrando mapa, não é? Então, tire um tempinho em casa, antes de ir, e dê uma estudada nele. Marque as salas onde estão as obras que você mais gostaria de conhecer e faça a sua programação. Desta forma, você conseguirá priorizar ao máximo o seu tempo.

Atualização (1) – Janeiro/2019

Infelizmente, o site o Louvre tirou do ar o mapa explicativo com o número das salas. Ou seja: não será mais possível marcar tudo com antecedência.

Mesmo assim, recomendamos que você dê uma olhada no mapa atual (AQUI) para já ir se familiarizando com o museu e para ter uma noção de como estão dispostas as salas e alas. Basta clicar em "ENTER THE MUSEUM".

Outra forma é baixar no seu celular o app "My visit to the Louvre", que também poderá servir de audioguia nessa visita. Vejas as informações.

Eu tive as 2 experiências, a de ir sem estudar nada e o contrário. Garanto a você: tentar programar a visita é a melhor coisa a se fazer! Estudando o mapa, você entenderá como é o museu e já não se perderá com tanta facilidade. E isso vai te poupar um tempo precioso.

Com ele em vista, vou explicar como é o museu, para que você entenda melhor.

Como é o Louvre?

Como disse acima, é muito fácil se perder neste museu. O palácio onde ele está situado é enorme, com salas interligadas entre si.

Para quem nunca tinha visto o mapa antes e chega lá para visitá-lo, vai achar que trata-se de um grande labirinto. Mas não é: ele é mais simples do que você imagina.

1. As entradas do Louvre

O Louvre possui várias, como mostra as setas vermelhas da figura abaixo:

Entradas do Louvre

Entradas do Louvre

De todas essas, as 3 mais conhecidas são:

• pela pirâmide do pátio central (a principal);

• pelo Carrousel du Louvre, o shopping que fica no subsolo;

• pela Rue de Rivoli

Quem vem de metrô, deverá saltar na estação Palais Royal-Musée du Louvre (linha 1). Seguindo as placas, irá sair no Carrousel du Louvre, o shopping que fica no subsolo e está ao lado do hall principal.

Na visita de Março de 2011, fui de metrô e saí no subsolo. Em Fevereiro de 2012, entrei pela Pirâmide que fica no centro da praça. Em todas elas não tive problemas com filas.

Mas há relatos de que, em meses de alta temporada, o hall principal fica tão cheio que eles acabam organizando a entrada dos visitantes para evitar confusão. E filas acabam se formando nas entradas.

Independente de onde você entrar, fatalmente vai chegar no hall principal.

2. Os pisos do Louvre

Olhando o Louvre pelo lado de fora, estando na rua, você verá que é um edifício de 3 andares: o térreo (0), o primeiro andar (1) e o segundo andar (2).

Além desses pisos, ainda há um subsolo, que é o hall principal, também conhecido como Hall Napoléon. E entre o chão do subsolo e o nível da rua (0), há um mezanino (-1).

Com exceção do hall principal, há exposição de obras em todos esses pisos.

Resumindo, o Louvre 5 andares:

• o subsolo (Hall)

• o mezanino (-1)

• o térreo (0)

• o primeiro andar (1)

• o segundo andar (2)

Pisos do Louvre

Pisos do Louvre

3. Comprando o ingresso para visitar o Louvre

As opções de compra do ingresso são as seguintes:

• comprar online

utilizar o Paris Museum Pass;

comprar na bilheteria que há no hall principal (é nessa hora que pode haver uma fila razoável)

Atualização (2) – Setembro/2019

A administração do Museu do Louvre anunciou que, muito em breve, os ingressos serão vendidos APENAS pela internet, com reserva obrigatória.

Essa medida se deve à imensa procura diária pelos visitantes. Foi a maneira que eles encontraram para diminuir as multidões, distribuindo o público ao longo do dia – uma medida já adotada por outros museus mundo afora.

E quem estiver com o Paris Museum Pass também precisa agendar o horário. O problema é que eles exigem que o número do passe seja informado durante a reserva, ou seja, só daria para fazer isso depois de te-lo adquirido. Levando em conta que muita gente deixa pra comprar o passe somente quando chega a Paris, essa medida acabou não sendo muito boa... Ainda mais se a visitar for na alta temporada, onde há mais procura.

E mais: mesmo com a reserva em mãos, é obrigatório apresentar o passe na entrada – que será pela pirâmide, segundo informa o site oficial.

Outra mudança feita recentemente é que o ingresso NÃO permite mais que o visitante entre, saia e volte mais tarde ao Louvre, no mesmo dia. Essa regalia era uma das vantagens da visita ao museu, mas não está mais disponível no esquema adotado atualmente.

Audioguia: para aproveitar o máximo de cada obra, você pode alugar um audioguia (reserva feita online) ou baixá-lo no seu smartphone (iOS ou Android). Não há em português, infelizmente. Vejas as informações.

4. As alas do Louvre e seus acessos

O Louvre tem 3 alas: Richelieu, Denon e Sully.

Estando no hall principal, você verá uma placa indicativa e uma escada rolante de acesso para cada uma delas.

Acessos à Ala Richelieu

Acessos à Ala Richelieu

Após subi-la, você encontrará um guichê onde terá que apresentar o ingresso (ou o Paris Museum Pass) ao fiscal.

Para ir de uma ala até outra, há 2 opções: voltar ao hall principal e seguir até a escada rolante correspondente a outra ala, ou passar de uma para a outra através das salas contíguas (como mostrado no mapa das entradas do Louvre, logo acima, você verá que Ala Richelieu se comunica com a Ala Sully, que por sua vez se comunica com a Ala Denon).

Todas as alas possuem 4 andares (mezanino, térreo, primeiro e segundo). Eles podem ser acessados tanto por escadas quanto por elevadores.

Preparando o Roteiro para o Louvre

Uma vez entendido como é o Louvre e diante do mapa do museu, o próximo passo é identificar as obras que você mais deseja conhecer e as salas onde elas estão localizadas. Marque-as no seu mapa e, por fim, crie o seu itinerário.

Atualização (3) – Janeiro/2019

Além do site não disponibilizar mais o mapa com a disposição das salas, eles ainda por cima mudaram o número delas. Mas não acreditamos que as obras tenham mudado de lugar.

Por isso, apenas listaremos abaixo o acervo que consideramos interessante a serem visitados.

Sugestão: visite cada ala em separado. Por exemplo, visite a Ala Richelieu inteira. Terminou? Volte ao hall principal e vá para outra ala. Desta forma, você não se perde e não deixa passar nenhuma sala que desejaria conhecer.

O acervo do Louvre

É gi-gan-tes-co! Sem dúvida, é um dos maiores museus do mundo, e há realmente muita coisa exposta por lá. Isso sem contar com as exposições temporárias.

De um modo geral, você encontrará no Louvre:

• Pinturas (de artistas franceses e italianos, em maioria);

• Esculturas

• Antiguidades (do Egito, da Grécia, da Mesopotâmia, da Roma Antiga e dos Etruscos)

Já contratou o Seguro Viagem?

Você sabia que quando se viaja para a Europa a contratação de um seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil euros é obrigatória? Então, faça agora mesmo uma cotação na Seguros Promo e escolha entre as melhores seguradoras sempre com ótimo custo benefício. Aproveite esse cupom especial do Black November, disponível por tempo limitado, e garanta um desconto de 15% pagando no cartão ou economize 20% no boleto. Utilize o código: BLACK.

O que ver no Museu do Louvre?

A dúvida de quem está planejando uma visita ao Louvre é quase sempre a mesma: com um acervo tão vasto e rico, como fazer para criar um roteiro sucinto?

Baseado na minha experiência, digo o seguinte: o Louvre inteiro é lindo. É difícil acharmos algo que não seja interessante. Não é raro nos pegarmos admirando alguma obra que não estava no roteiro.

É claro que as mais famosas, como a Mona Lisa, estarão na sua lista. Mas quais serão as outras peças consideradas imperdíveis pelos visitantes?

Fazendo uma pesquisa sobre as obras mais visitadas, acabei criando uma lista do que ver no Louvre. E, como é de praxe nos meus posts aqui no blog, coloquei informações e impressões sobre algumas obras.

A intenção não é ditar o que é melhor a ser visto por lá. Até porque seria muito difícil (pra não dizer impossível) apontar as atrações principais em um museu com um acervo tão vasto quanto o Louvre. Fora que o que interessa para uma pessoa, pode não interessar para outra.

Cada um tem sua lista de preferidos e eu, claro, tenho a minha. Mas, de um modo geral, as peças mais procuradas são as seguintes...

ALA RICHELIEU - MEZANINO (-1)

Cavalos de Marly

Cavalos de Marly

Pátio PugetMilo de Crotone (atenção para a perfeição da pata do leão cravando na coxa do homem)

Pátio PugetFour Captives / Four Defeasted Nations (4 estátuas representando reações diferentes a captura: revolta, esperança, resignação e mágoa)

Pátio Marly – Os Cavalos de Marly (que ficavam na entrada da Champs-Élysées, de quem vem da Place de la Concorde)

ALA RICHELIEU - TÉRREO (0)

Código de Hamurabi

Código de Hamurabi

Código de Hamurabi (o famoso e mais antigo código de leis já encontrado, imperdível para o pessoal do Direito)

Touro Alado (esculturas de touros com 5 pernas e cabeça humana, que ornamentavam a entrada de um palácio da Mesopotâmia)

Tumba de Filipe Pot (com 8 estátuas sombrias sustentando o corpo)

São Jorge Combatendo o Dragão (com a cena talhada numa placa de mármore)

ALA RICHELIEU - PRIMEIRO ANDAR (1)

Apartamentos de Napoleão III (lindíssimo! Eram os aposentos do antigo imperador francês e sobrinho de Napoleão Bonaparte).

ALA RICHELIEU - SEGUNDO ANDAR (2)

A Rendeira de Vermeer (o quadro mais famoso do artista)

Apartamentos de Napoleão III

Apartamentos de Napoleão III

ALA DENON - MEZANINO (-1)

Santa Maria Madalena de Gregor Erhart (uma das estátuas mais famosas do Louvre).

ALA DENON - TÉRREO (0)

Psiqué Reanimada pelo Beijo de Eros

Psiqué Reanimada pelo Beijo de Eros

• O Escravo Moribundo e o Escravo Rebelde de Michelangelo

Psiqué Reanimada pelo Beijo de Eros de Canova (pra mim, a escultura mais linda do Louvre, disparado! )

Guerreiro combatente (é a estátua de um homem inclinado pra frente, em posição de combate)

ALA DENON - PRIMEIRO ANDAR (1)

No patamar da escadaVictória de Samotrácia (majestosamente em destaque no museu, a estátua de 190 a.C. está numa espécie de proa e esculpida como se sua roupa tivesse voando ao vento. Ninguém sabe ao certo qual divindade representava. A asa direita é uma reconstrução em gesso. Linda! )

A Madona das Rochas de Leonardo da Vinci (quem leu “O Código da Vinci” não pode perder)

Mona Lisa de Leonardo da Vinci (Linda e minúscula: só tem 40 cm de altura! E se você for como eu, que achava que o quadro era escuro e em tons marrons, vai se surpreender com as cores...)

As Bodas de Canaã de Veronèse (quadro retratando a noite que Jesus transformou água em vinho. Injustamente negligenciado devido à atenção que as pessoas dão à Mona Lisa, que está de frente pra ele, na mesma sala)

A Liberdade Guiando o Povo de Delacroix

A Coroação de Napoleão de Jacques Louis David (um painel majestoso!)

Mona Lisa e Victoria de Samotrácia

Mona Lisa e Victoria de Samotrácia

ALA SULLY - MEZANINO (-1)

Louvre Medieval

Louvre Medieval

Louvre Medieval (Uma área contendo as fundações do antigo forte medieval que havia naquela região, quando o Louvre ainda era uma fortaleza. Logo na entrada, repare na maquete de como era o forte e compare com os paredões das fundações que estão à frente...)

Esfinge de Tânis (é uma belíssima esfinge encontrada na cidade de Tânis, no Egito. Ninguém sabe até hoje qual o faraó que ela retrata)

ALA SULLY - TÉRREO (0)

Friso do Palácio de Dario I

Friso do Palácio de Dario I

Vênus de Milo (datada de 100 a.C., foi encontrada na Ilha de Milo, na Grécia. Há controvérsias se é mesmo Afrodite ou se é Anfrite, deusa marinha cultuada na região. Independente disso, é linda e imperdível)

Diana de Versalhes (a versão original da estátua. A cópia está na Galeria dos Espelhos, no Palácio de Versalhes)

Hermes Atando as Sandálias

Tesouros de Tutankamon (são relíquias da época do famoso faraó. Destaque para a régua egípcia, que difere da nossa por ter hieróglifos no lugar de números).

Caminho das Esfinges (várias efígies enfileiradas)

Estátua de Ramsés II (um dos faraós mais famosos da história)

Frisos do Palácio de Dário I (ainda mantendo grande parte de suas cores, com imagens de arqueiros e leões alados. Lindíssimos! ).

ALA SULLY - PRIMEIRO ANDAR (1)

Escriba Sentado

Escriba Sentado

O Escriba Sentado (estátua egípcia que retrata um homem pronto para escrever algo sobre um papiro. O que impressiona é que ainda mantém as cores originais, mesmo depois de 4.500 anos!).

Busto de Akhenaton (o famoso faraó que decidiu venerar o sol, provocando uma lendária crise religiosa no Egito Antigo)

Pequenas estátuas do Faraó Akhenaton e da Rainha Nefertiti (bem pequeno mesmo, mas retrata o famoso casal real egípcio).

O acervo do Louvre é colossal e maravilhoso. Com certeza você sairá de lá com uma lista própria, inclusive com algumas obras que nem citei aqui. Não deixe de dar suas sugestões depois, na seção de comentários.

Não deixe de apreciar também no Louvre...

A arquitetura das salas do Louvre

Quem visita o museu geralmente fica tão encantado pelas obras que acaba negligenciando a bela arquitetura do edifício. As paredes e o teto de algumas salas são deslumbrantes. Não deixe de apreciá-las.

As belas salas do Louvre

As belas salas do Louvre

Carrousel do Louvre

Um shopping, contíguo ao hall principal, onde você encontrará várias lojas, como L’Occitane, Swatch, Apple, Swarovski, Fossil, entre outras. Há uma praça de alimentação, com restaurantes de vários tipos, cafeteria, lanchonete e até um Mc Donald’s. A estação do metrô Palais Royal possui um acesso que desemboca dentro deste shopping.

Não deixe de apreciar, próximo à loja da Apple, a pirâmide invertida. É igual a que está na praça em frente, no nível da rua. A diferença é que ela está de cabeça pra baixo e é um pouco menor.

Loja de Souvenir

Imperdível. Não só você encontrará lembrancinhas com as fotos das principais obras, como também poderá adquirir um pôster de sua obra favorita, para colocar uma moldura e fazer um quadro.

Outra ótima opção de lembrança é um livro com o catálogo das 600 obras mais famosas do Louvre com informações sobre cada uma delas. Disponível em vários idiomas, inclusive em português.

Catálogo das principais obras do Louvre

Catálogo das principais obras do Louvre

Informações para quem vai visitar o Museu do Louvre

• O Louvre não abre às terças e fecha mais tarde às quartas e sextas (21:45h). Consulte as informações sobre dias e horários de funcionamento e compra de ingressos disponibilizados no site oficial.

• Não deixe de consultar a agenda de exposições temporárias que sempre acontecem por lá. Veja qual estará ocorrendo na época de sua visita e aproveite!

• Para quem preferir, existe a opção de tour guiado proposto pela administração do Museu do Louvre. As visitas são em francês e inglês.

• Para você, que está com intenção de visitar a capital francesa, não perca nossa sugestão de roteiro de 6 dias em Paris e também nossas dicas de sobrevivência para quem vai à Paris. Além disso, você também pode conferir outros artigos bem legais relacionados a Cidade Luz, acessando nossa página completa de destinos (Paris e França).

Vai Viajar?

 Encontre o hotel perfeito para sua próxima viagem com garantia do menor preço. O nosso blog tem parceria com o Booking, serviço que te ajuda a comparar preços de hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura. Você ainda pode fazer uma reserva com a opção de cancelamento gratuito e deixar para pagar só na hora do check-in. Garanta sua reserva de hotel agora mesmo.

 Antes de alugar um carro, faça uma comparação entre as principais locadoras do Brasil e do mundo. A nossa parceira RentCars te ajuda nessa busca de preços e oferece todas as opções de forma rápida e segura. A cobrança poderá ser feita em reais, sem IOF. Divida em até 12 parcelas no cartão de crédito ou aproveite um desconto de 5% no boleto bancário. Compare os valores e economize.

 Não esqueça do seguro viagem. Economize tempo e dinheiro fazendo uma cotação na Seguros Promo. Encontre os melhores planos das principais seguradoras por preços imbatíveis. Aproveite esse cupom especial do Black November, disponível por tempo limitado, e garanta um desconto de 15% pagando no cartão de crédito ou economize 20% no boleto bancário. Utilize o código promocional: BLACK.

 Compre um chip internacional e se mantenha conectado durante sua viagem. A Easysim4u oferece planos sob medida na Europa com conexão de internet 4G franquias proporcionais ao número de dias do pacote. Você recebe o chip em sua casa, de forma antecipada, e chega em seu destino com tudo funcionando. Compre com 10% de desconto usando o nosso cupom exclusivo: PARAVIAGEM10.

 Compre ingressos para atrações, shows, espetáculos, eventos, tours, passeios e muitas outras experiências com a GetYourGuide. A empresa, presente nos principais destinos, oferece vantagens como a garantia do menor preço e a possibilidade de reserva online antecipada, garantindo seus bilhetes antes da viagem.

 Encontre as melhores datas para a sua próxima viagem e economize na hora de comprar as passagens aéreas. Usando a plataforma do Passagens Promo você pode pagar com cartão de crédito em parcelas sem juros e sem cobrança de IOF. A empresa conta ainda com selo de qualidade no atendimento. Agora não tem mais desculpe, partiu Paris!

Reservando com nossos parceiros, além de garantir o menor preço e um serviço de qualidade, você também ajuda a manter o blog e nos motiva a produzir cada vez mais conteúdo.

Galeria de Fotos:

142 Comentários
  1. Eulaliene

    Gostei muiiitooo dessas informações. Penso que através desse guia das principais obras não irei perder muito tempo em minhas buscas. Obrigada

    • Fernanda Rangel

      Oi, Eulaliene!
      O Louvre é maravilhoso e merece que gastemos nosso tempo apenas apreciando aquelas magníficas obras e não decifrando mapas, não é verdade?
      Obrigada pelo elogio!
      Abs

  2. Dik

    PERFECT !!!! Adorei todas as dicas e informações…Obrigado !

  3. Rafaella

    Ameiiiiii!!!
    Simplesmente arrasou no post, estou indo pra la e reservei um dia para o Louvre, com suas dicas vou tirar de letra.
    Muito Obrigada e parabéns!!!

  4. Will

    Muito bom Fernanda, gostei demais desse roteiro, acabei de fazê-lo, gastei próximo de 8 horas para fazer, mas saí com a sensação de missão cumprida, Louvre simplesmente gigantesco e muito bonito! Obrigado pelas dicas.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Will!
      Sou suspeita pra falar, mas o Louvre é o máximo, não é? Eu também tive o privilégio de passar um dia todo lá dentro e foi incrível.
      Eu que fico com sensação de missão cumprida por ter conseguido fazer com que um roteiro simples (em vista da grandiosidade que é o acervo do Louvre) tenha sido de grande ajuda.
      Abs

      • Rita

        Parabéns! Amei suas dicas! Visitei duas vezes o Louvre e fiquei apaixonada por tudo que pude visitar. Fui sem muito compromisso e só querendo visitar poucas obras, mas difícil foi não admirar tudo que os meus olhos alcançavam…rsrs
        Seu roteiro é bárbaro e nortea muito bem as pessoas que querem conhecer como eu um pouco mais dessa maravilha e riqueza histórica. Obrigada!🤗😍♥️🙏

  5. Camila Aoki

    Parabéns pelas dicas! Com certeza me ajudará muito na minha primeira visita ao Louvre!
    Abs

  6. Jacilena Loureiro

    Muito obrigada pelas dicas, adorei e já estou apaixonada pelo Louvre😌😍. Bjs

  7. Kauê

    Fernanda, parabéns…. espero que tenha ido bem acompanhada… já fui e irei retornar agora, no final de fevereiro, irei levar suas dicas comigo, show de bola, beijos…

    • Fernanda Rangel

      Oi, Kauê!
      O Louvre é incrível, não é mesmo? Fazer esse roteiro foi meio que uma ousadia, pois selecionar o que há de melhor num museu com acervo tão vasto e rico como o do Louvre é uma tarefa bastante complicada. Fico contente por tê-lo ajudado com algumas sugestões.
      Espero que sua próxima visita seja maravilhosa e obrigada pelo elogio!
      Abs

  8. Bruno Pinho

    Parabéns pelo site!!!

  9. Bruno Pinho

    estou indo semana que vem. como meu tempo em paris é curto…vou aproveitar a sexta pois fica aberto até as 10 da noite.devo entrar no museu as 7 da noite… qual roteiro você me indica pra essa minha primeira visita expressa???

    • Fernanda Rangel

      Oi, Bruno!
      Obrigada pelo elogio!
      Você terá 2 horas pelo Louvre, certo?
      Minha sugestão é escolher no máximo 3 obras principais e tentar esquecer o restante (é uma tarefa árdua, passei por isso na minha primeira vez por lá e não deu muito certo… rsss).
      Mas de qualquer forma, as 3 obras mais procuradas (consideradas imperdíveis) por que visita o Louvre são: a Monalisa, a Vênus de Milo e a Victoria de Samotracia.
      Faz assim: dê prioridade para visitar essas 3 obras. Sobrou tempo? Vai visitando o restante que der.
      Uma ótima viagem pra vc!

  10. Rubia

    Adorei o roteiro! Vou me basear nele para minha primeira visita ao Louvre!

  11. Leticia

    Parabens! Eu amei suas dicas muito obrigado

  12. Elaine Andrade

    Adorei suas dicas, simplesmente copiei tudo! na volta te conto como foi.
    Obrigada 🙂

    • Fernanda Rangel

      Oi, Elaine!
      Conte-nos tudo! Espero que sua visita seja tão maravilhosa quanto foi a minha!
      Obrigada pelo elogio e desculpe a demora do meu feedback (estava fazendo uma viagem e só voltei há poucos dias).
      Abs

  13. JORGE CUNHA

    Parabéns pelo artigo! Ajudou-me sobremaneira a planejar a viagem à Paris.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Jorge!
      Desculpe pela demora do meu feedback, eu estava viajando e só voltei há poucos dias.
      Obrigada pelo elogio! Fico muito contente por ter ajudado no seu planejamento.
      Espero que a sua estava no Louvre seja tão especial quanto foi a minha.
      Abs

  14. Viviane

    Exatamente o que eu procurava! Nunca fui a Paris, e vou fazer uma viagem de apenas 4 dias, ou seja, não tenho tempo a perder! Só tenho a agradecer pelas dicas!

    • Fernanda Rangel

      Oi, Viviane!
      Desculpe pela demora do meu feedback. Eu estava viajando e só voltei há poucos dias.
      Obrigada pelo elogio! Fico muito contente por ter conseguido ajudar.
      É isso aí mesmo, saindo de casa com tudo planejado vc não perderá tempo com nada e poderá aproveitar ao máximo Paris, que é linda e especial.
      Espero que sua estada seja tão encantadora quanto foi a minha!
      Abs

  15. Eulaliene

    Conheci o Louvre e usei todas as dicas que vocês deram. Foram muito úteis pra mim! Obrigada!

  16. silvia

    Para quem passou o dia no Louvre, alguma dica de alimentação? Tem resturante, cafeteria, onde ficam? Ou é melhor sair e comer pelos arredores? Obrigada.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Silvia!
      Como falei no final do post, tem um shopping no subsolo do Louvre, com uma praça de alimentação que tem restaurantes de comida típica de vários países (árabe, italiana, etc), além de uma cafeteria e um Mc Donald’s.
      Mas se vc preferir, é possível sair do Louvre e comer pelos arredores, voltando depois. O ingresso é válido para o dia todo e permite que vc saia e volte ao museu, desde que seja no mesmo dia.
      No dia de minha visita, comi no restaurante italiano de lá.
      Abs.

  17. Marcus

    Obrigado pelas informações práticas, bem claras a respeito desse oceano que é o Louvre. Usarei várias amanhã!

  18. Paola

    Fernanda, tudo bem?
    Adorei esse roteiro super completo, estarei em Paris daqui 2 semanas, e vou ficar um dia todo no Louvre seguindo esse roteiro.
    Queria agradecer você pela super ajuda. Obrigada!

    • Fernanda Rangel

      Oi, Paola!
      Eu que agradeço o elogio!
      O Louvre é incrível, foi o museu mais lindo e interessante que já visitei. Passar o dia lá dentro sempre foi meu sonho e fiquei muito feliz por tê-lo realizado na minha estada em Paris.
      Espero que a sua viagem seja maravilhosa!
      Abs

  19. Igor Fernandes

    Boa Noite! Aqui em Paris são 21h. Minha esposa e eu adoramos o Roteiro. Fizemos ele todo certinho, sem correria. Passávamos os olhos nas demais obras e ficávamos mais tempo nas principais. Fizemos tudo em 3h30min. Muito obrigado pela dica!!!!

  20. Talitha

    Noooooossa, exatamente o que eu estava procurando! Muito obrigada pelas dicas!

  21. Ezequiel

    Parabéns! Vou na próxima semana ai Louvre e nem fazia ideia comi era, pensei que fosse parecido com o MASP, hehe. Abraços!

    • Fernanda Rangel

      Obrigada pelo elogio, Ezequiel!
      O MASP é um museu incrível, mas o Louvre é sensacional. Tem muito mais obras, é muito maior e mais lindo. 🙂
      Depois venha nos contar como foi sua visita!
      Abs

  22. Adriana

    Oi, Fernanda! Adorei o seu roteiro, era o que precisava… Vou aproveitá-lo em breve na viagem que farei. Ficarei 4 dias em Paris (primeira vez por lá) e deixei um dia dedicado ao Louvre. Obrigada por compartilhar seus conhecimentos!!! 😉

    • Fernanda Rangel

      Oi, Adriana!
      Obrigada pelo elogio!
      Paris é um charme, tenho certeza que vc vai gostar. E o Louvre, sem comentários! É incrível: lindo e imenso. Merece 1 dia inteiro lá dentro, pra ver tudo com calma.
      Espero que sua estada pela capital francesa seja tão especial quanto foi a minha!
      Abs

  23. Marcos Medeiros

    Oi Fernanda, achei muito interessante sua lista das principais obras do Louvre. As listas que encontrei em outros sites eram sempre pequenas ou grandes demais, a sua está sob medida para uma primeira visita. Reservei quatro horas para visitar o Louvre, você acha que é tempo suficiente para percorrer todas as obras indicadas neste post?
    Copiei ainda algumas ideias do seu roteiro de 6 dias, é exatamente o tempo que vou ficar em Paris, sendo que pretendo ir em Versalhes. Abraços!

    • Fernanda Rangel

      Oi, Marcos!
      Obrigada pelo elogio! Fico contente pelos posts terem conseguido ajudá-lo de alguma forma.
      Acho 4 horas pouco para esse roteiro do Louvre, mas se vc for com tudo estudado antes e não demorar muito em cada obra, acredito que dê pra fazer grande parte dele.
      Esse roteiro levou o dia todo, mais ou menos umas 8 horas (incluindo a parada para o almoço). Mas também fiz tudo com calma, sem correria. Se tivesse colocado sebo nas canelas, acredito que poderia ter enxugado isso aí para umas 5 horas.
      O Louvre é imperdível. Mesmo que não faça esse roteiro todo, já vai ser uma visita incrível, pode apostar. Selecione as que não podem deixar passar em branco e deixe outras em “stand-by”. Se der tempo pra vê-las…
      Abs

      • Marcos Medeiros

        Obrigado Fernanda, vou seguir seu conselho e separar as que considero imperdível, apreciar obra de arte com pressa não vale a pena… rsrsrs

  24. Jessica

    Simplesmente sensacional! Obrigada por compartilhar seu conhecimento conosco!!!!

  25. André Sucupira

    Fernanda Parabéns por esse grande trabalho!

    Esse guia é um norte para desbravarmos esse mundo que é o Louvre. Vou tentar seguir esse maravilhoso guia.
    Será que você teria um guia assim do Museu D’Orsay?

    • Fernanda Rangel

      Oi, André!
      Obrigada pelo elogio! 🙂
      Não visitei o Museu D’Orsay. Paris tem tanta coisa pra conhecer que mesmo passando 6 dias lá, acabei não conseguindo ir a esse museu – que dizem ser maravilhoso.
      Abs

  26. Giovanni

    Fernanda, parabéns demais pelo post! Gastei boa parte do meu dia hoje pesquisando sobre como sair do passeio ao Louvre com sensação de missão cumprida e tentando ser eficiente com o uso do tempo . De longe o seu blog foi o mais completo e agora já tenho um roteiro muito completo para a visita!

    Muito obrigado e parabéns pelo trabalho!

    • Fernanda Rangel

      Oi, Giovanni!
      Obrigada pelo elogio! 🙂
      Fico muito contente por ter conseguido ajudar, pois foi um risco grande tentar fazer um roteiro dentro de um museu com um acervo gigantesco como o do Louvre. Claro que muitas coisas ficaram de fora, mas acredito que essas obras relatadas são aquelas que as pessoas não deveriam deixar de ver.
      Espero que a sua visita seja tão incrível quanto foi a minha.
      Abs

  27. Rodrigo

    Olá Fernanda, parabéns pelo blog mas, qual o preço do ingresso para entrar no museu do Louvre? Obrigado!

  28. Fabrina

    Olá Fernanda,

    Gostaria de dar parabéns pelo seu roteiro. Utilizamos ele agora em janeiro e foi perfeito. Realmente o Louvre é incrível. E suas dicas preciosas! Nos ajudou muito!
    Obrigada! 😉
    Viajar é tudo de bom! E Paris realmente é MARAVILHOSA!!

  29. Alex

    Oi! Tudo bem? Muito legal o blog.
    Estou comprando o ingresso online para o Louvre e vi que é preciso definir um horário de entrada.
    Se eu não chegar no horário previsto (podendo chegar antes ou mesmo depois), há algum problema?
    Obrigado!

    • Fernanda Rangel

      Oi, Alex!
      Não saberia te dizer com precisão, pois da primeira vez comprei na hora e na segunda, usei o Paris Museum Pass.
      Mas levando em consideração as visitas que já fiz com ingresso comprado com data e hora marcados (ocorridas em outras cidades e países), não costuma ter muita tolerância não… Chegou fora do horário, não entra. Talvez eles deem um pequeno desconto de minutos, mas se atrasar demais…
      Eu não arriscaria. Tente programar sua visita para o começo do dia, pra poder ficar livre depois. Se deixar o Louvre por último, pode acabar se atrasando.
      Abs

  30. Maria José Ujimori

    Estou comprando ingresso on-line para o Museu do Louvre. Antes de efetivar a minha compra gostaria que me tirasse duas dúvidas.
    1- Comprando ingresso on-line no site oficial, onde pego o ingresso?
    2- É possível depois de entrar, sair para um almoço ou passeio e voltar novamente com o mesmo ingresso? Se é possivel como é feito o controle, já que existe um horário pre determinado para entrar?
    Fernanda aguardo seus esclarecimentos, e agradeço os esclarecimentos que tive através do seu Blog no planejamento de minha viagem.
    Obrigado

    • Fernanda Rangel

      Oi, Maria José!
      Não tive a experiência de comprar online, pois utilizei o Paris Museum Pass para visitar o Louvre (que me isentou da fila da bilheteria).
      Mas o seu comentário foi ótimo, pois fui dar uma pesquisada na web pra poder te responder e descobri que o esquema do ingresso para o Louvre mudou recentemente – agora ele é com dia e hora marcados (antigamente era livre), o que me leva a crer que o esquema de sair e voltar não pode mais acontecer (não encontrei nada confirmando isso, mas é o que podemos concluir).
      Quanto ao ingresso comprado online, parece que continua igual: vc faz o trâmite no site e resgata depois numa loja FNAC em Paris. Mas como isso também pode ter mudado, sugiro que vc dê uma olhada no voucher emitido após a compra, pois eles costumam dar as instruções do que fazer em seguida (trocar na loja FNAC? Imprimir e apresentar o voucher na entrada do Louvre diretamente?).
      Agradeço pelo alerta dado! Vou tentar obter mais informações para fazer o “update” do post.
      Abs

  31. Jamylle

    Excelente postagem, Fernanda!
    Parabéns!

    • Fernanda Rangel

      Obrigada pelo elogio, Jamylle! 🙂
      Abs

      • Maria José Ujimori

        Oi Fernanda, eu e meu marido estivemos em Paris por 20 dias; compramos nossos tickets no site oficial do Louvre com hora marcada, imprimimos em nossa residência. Entramos pela pirâmide, onde nos é feita a revista pela segurança, até ai tudo normal.
        Cada vez que entra em uma das alas deve-se apresentar o ticket, saindo desta ala você vem para o hall de entrada. Então desse hall voce pode sair do Louvre; no nosso caso saimos trocamos de roupa pois dentro do museu é muito quente, almoçamos e retornamos ao Louvre para visitar outra ala , onde voce tem que apresentar o seu ticket novamente. Todos os tipos de tickets são válidos para o dia da compra, voce pode entrar e sair até o fechamento do museu.

        • Fernanda Rangel

          Oi, Maria José!
          Desculpe a demora pela resposta. E muito obrigada por me dar um feedback sobre a questão do ingresso com hora marcada do Louvre! 🙂
          Me pareceu que essa marcação não tem muita função, né? Talvez para ajudar a “furar a fila legalmente” na hora de chegar, certo? Porque depois o visitante pode sair e voltar, e aí essa hora marcada pra entrar não tem mais sentido.
          Como eles vão saber se a pessoa está chegando atrasada (fora do horário agendado) ou está simplesmente retornando ao museu no mesmo dia? Eles fazem algum tipo de marcação no ticket, comprovando que vcs cumpriram o agendamento e chegaram na hora certa?
          Na época que fui, tanto o esquema de sair e voltar e também o de mostrar o ticket todas as vezes que entrar nas alas já existia. Só não havia a hora marcada. 😉
          Mais uma vez, agradeço imensamente o seu retorno!
          Abs

  32. Maria Perrelli

    Obrigada pelas dicas. Elas são excelentes !
    Tudo muito bem explicado.
    Valeu !

  33. Roberta Peralta

    Fernanda, boa tarde! Primeiramente, obrigada por todas as suas dicas/ informações de viagens. Iremos a Paris em setembro e suas postagens estão sendo de bastante importância na preparação do nosso roteiro.
    Com relação ao Louvre, preciso de uma ajuda ainda maior (rs)… baseada nesse roteiro feito por você, fiz um pouco mais “compacto”. Será que você pode dar uma olhada nas obras que pretendemos visitar e nos dizer quanto tempo gastaremos, aproximadamente? Como terei pouco tempo em Paris, estava calculando gastar apenas meio dia no Louvre…
    * ALA RICHELIEU
    MEZANINO (-1)
    → Pátio Marly
    TÉRREO (0)
    → Sala 3 – Código de Hamurabi
    → Sala 4 – Touro Alado
    → Sala 11 – São Jorge Combatendo o Dragão
    PRIMEIRO ANDAR (1)
    → Salas 83 a 87 – Apartamentos de Napoleão III
    * ALA DENON
    MEZANINO (-1)
    → Sala C – Santa Maria Madalena de Gregor Erhart
    TÉRREO (0)
    → Sala 4 – O Escravo Moribundo e o Escravo Rebelde de Michelangelo
    → Sala 4 – Psiqué Reanimada pelo Beijo de Eros de Canova
    PRIMEIRO ANDAR (1)
    → No patamar da escada – Victória de Samotrácia
    → Sala 6 – Mona Lisa de Leonardo da Vinci
    → Sala 6 – As Bodas de Canaã de Veronèse
    ALA SULLY
    MEZANINO (-1)
    → Louvre Medieval
    TÉRREO (0)
    → Sala 16 – Vênus de Milo
    → Sala 17 – Diana de Versalhes
    → Sala 11 – Caminho das Esfinges
    → Sala 12 – Estátua de Ramsés II
    Muitíssimo obrigada!!!!

    • Fernanda Rangel

      Oi, Roberta!
      Eu que agradeço o elogio!
      É difícil dizer quanto tempo levará em cada obra, pois cada um tem o seu ritmo. O seu roteiro é bem completo, tá quase igual ao que eu fiz – que ocupou um dia inteiro…
      O que te aconselharia, já que o seu tempo será curto:
      1) Estudar o mapa do Louvre antes de ir, pra não perder tempo procurando os caminhos por lá (coisa FÁCIL de acontecer, já que o museu é enorme). Fiz isso e deu muito certo! Se essas obras estivessem todas numa mesma ala, aí até dava pra ver tudo num meio período. Mas elas estão espalhadas num museu gigantesco. O que as vezes ocupa o tempo é o deslocamento entre as salas e as alas.
      2) Fazer uma lista de prioridades. Por ex: pega esse roteiro que vc me passou e ilumina com uma caneta aquelas que não podem deixar de fora em hipótese alguma. Se vc vir que a hora tá avançando, fica mais fácil refazer o roteiro e pular algumas obras, para dar preferência para aquelas que não podem deixar passar.
      Abs

      • Roberta Peralta

        Fernanda!!! Desculpas a demora! Achei que fosse receber alguma notificação da sua resposta no meu e-mail, e por isso não entrei antes para ver! rsrsrs! Poxa, mais uma vez, OBRIGADÃO! Perguntei pq sei q sou meio “megalomaníaca”… estava desconfiando que era mto, para pouco tempo! Seguirei mais essa dica sua, mas agora junto com meu marido, que é bem pé no chão! hahahahaha! Muito Obrigada, mesmo! Na volta, escrevo para dar notícias! Bjs!!! ; )

        • Fernanda Rangel

          Ué, era pra receber sim… Talvez tenha ido para sua caixa de spam (isso acontece às vezes) 😉
          Aproveite muito esse museu maravilhoso! Fico no aguardo pelas suas impressões.
          Uma ótima viagem pra vc!

  34. milena

    Ótimas dicas!!!! Já fiz uma cópia. Obrigada.

  35. Mariana G.

    Excelente post!! Muito útil.. parabéns!
    Vc sabe me dizer se posso comprar o Paris Museum Pass online e retirar na Fnac? Uma conhecida deixou pra comprar na Fnac pessoalmente, pouco antes de entrar no museu, e já havia esgotado, será que isso é frequente?
    Estou pensando em visitar o museu a noite em uma 6a feira, pra aproveitar melhor o dia e visitar o museu com mais calma. Vc recomenda a visita noturna?
    Obrigada!!

    • Fernanda Rangel

      Oi, Mariana!
      Eu que agradeço o elogio!
      Minha visita foi de dia, mas à noite também é bom. A única coisa que te recomendaria seria fazer um roteiro bem “light” durante o dia, pra não chegar cansada demais ao Louvre.
      Sobre o PMP: sim, vc pode comprar online e das duas, uma: pedir pra vir pelo correio ou resgatar em uma loja FNAC em Paris. No fundo, essas 2 situações são um risco. No caso dos correios, pode demorar pra chegar (ou nem chegar) e no caso de pegar lá, pode ocorrer o que vc relatou. Se bem que, se está marcado que alguém irá pegar o passe lá, eles deveriam reservar. Mas enfim…
      A forma mais garantida, na minha opinião, é comprar nos Escritórios de Turismo em Paris. Há vários na cidade e foi a opção que escolhi. No meu caso, comprei no do aeroporto.
      Sugiro dar uma olhadinha no meu post sobre como funciona o Paris Museum Pass, onde trago mais informações.
      Abs

  36. Ingrid Alves

    Adorei as informações e detalhes importantes principalmente para quem está perdido e montando a programação rsrs.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Ingrid!
      Obrigada pelo elogio! 😀
      Sei beeeem como é essa fase de planejamento pré-viagem. São muitas dúvidas, expectativas, receios… Um stress! Mas te garanto: quando chegar lá, tudo terá valido a pena e quando voltar pra casa, não verá a hora de começar o planejamento para outro destino tudo de novo. Mesmo com todo o stress.. Rsrsrs
      Abs

  37. Raquel

    Oi Fernanda, obrigada pelas valiosas dicas! Só uma duvida: Podemos entrar e sair do Louvre no mesmo dia pagando somente uma vez, caso eu queira comer na rua e depois voltar ao museu novamente?

  38. Kleber Nakatsu

    Sempre que viajo procuro dicas do blog de vocês. Além de muito detalhadas, contém informações relevantes para todos os tipos de turistas. Continuem o belo trabalho ;D

    • Fernanda Rangel

      Oi, Kleber!
      Obrigada pelo elogio! 😀
      Ficamos muito contentes pelo blog estar sendo útil. Afinal, esse é um dos nossos objetivos aqui.
      Continue conosco e aguarde, que vem mais informações e destinos legais para 2017!
      Abs

  39. Poli

    Obrigada pelas otimas dicas !

  40. Renato

    Olá, boa noite! Acabei de voltar do Louvre e segui quase todas as tuas indicações, foi excelente! Muito obrigado pela ajuda, você salvou o nosso dia!

  41. Flávia

    Fernanda,
    Que post maravilhoso! Muito obrigada por compartilhar suas dicas conosco, vou seguí-las passo a passo!
    Um abraço!
    Flávia

  42. Andréia

    Olá Fernanda! Amei seu post.. Meus parabéns e muito obrigada! Iremos conhecer o Louvre mês que vem e com certeza o seu roteiro irá nos ajudar muito. Beijos

  43. Inácio Valente

    Excelente!!! Era exatamente o que eu queria! Parabéns!!!

  44. Pedro Eugênio

    Olá Fernanda. Parabéns pelo trabalho.
    As informações estão atualizadas?

    • Fernanda Rangel

      Oi, Pedro!
      Obrigada pelo elogio!
      Sim. Essas obras relatadas fazem parte do acervo permanente do Louvre.
      Quanto a compra de ingressos, até onde sei está tudo certo. mas é sempre bom dar uma conferida no site antes (veja aqui).
      Abs

  45. Arthur

    Bom dia
    Excelente guia !
    + Eu posso comprar tickets no Brasil e reservar os ingressos para o Louvre mas devo trocar meu voucher na FNAC, foi isso que entendi? Nao ha risco de na troca os ingressos eatarem esgotados porque ja paguei, correto?
    + A outra pergunta, voce sabe se nao ha audio guiado en portugues ou espanhol?
    Parabens pelo site!
    Abracos

    • Fernanda Rangel

      Oi, Arthur!
      Obrigada pelo elogio! 😀
      + Esse esquema sempre foi informado no site, mas não sei exatamente se está acontecendo no momento. Dei uma entrada no site e tentei simular uma compra online estava dando erro…
      Mas dificilmente os ingressos se esgotam. Eles até podem estar restringindo após esses atentados que tiveram, mas o museu é imenso. Mesmo com a restrição, ainda assim teria muita opção de ingresso.
      A vantagem do ingresso online é furar a fila da bilheteria. Ou então, veja se vale a pena adquirir o Paris Museum Pass.
      + Na época que eu fui, não tinha. E dando uma olhada nesta página do site, continua não tendo. Mas eles tem um mapa em português.
      Abs

  46. Elaine Pereira

    Estou aqui,em Novembro de 2017,planejando a viagem em 2018 para celebrar 25 anos de casada,e encontro essa super ajuda para nossa visita ao Louvre.Vamos seguir à risca pois estávamos sem noção de como conhecer esse museu imperdível.Você escreve muito bem.Obrigada!

  47. Leidiane

    Olá! Tem opções “baratas” pra comer no Louvre? Ou é melhor sair pra comer alguma coisa e voltar depois?? Sabe como é, viagem econômica!

    • Fernanda Rangel

      Oi, Leidiane!
      Xiii… Não faço ideia de quanto paguei na comida por lá, pois já faz 5 anos dessa viagem…
      Mas lembro que não era muito caro, se comparado com os restaurantes de Paris.
      De qq forma, tinha uma lanchonete com salgados lá e tb um McDonald’s. Esses costumam ter opções mais em conta que os restaurantes. 😉
      Abs

  48. Juliene

    Adorei a matéria, já salvei tudo pra não perder tempo e poder apreciar ao máximo esse lugar. Queria saber quanto tempo pra ver tudo? Só tenho uma manhã pra ficar lá.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Juliene!
      Obrigada pelo elogio!
      Eu levei o dia todo dentro do Louvre pra apreciar essas obras. Como vc tem só a metade do tempo, é só seguir a dica que dei no post: faça uma lista de prioridades e vai seguindo-a até dar o tempo que vc disponibilizou para visitar o museu.
      Abs

  49. Sílvis

    Roteiro perfeito, finalmente algo que todo viajante precisa saber: a localização das obras mais importantes! Muito obrigada!

  50. Juliano Vilani

    Olá ! amando seu site ! Demais suas dicas Tenho uma DUVIDONA : irei para Paris na semana Santa de 2018 …
    30,31 de março 1,2 e 3 de Abril ! sei q na terça o Louvre não funciona e na Sexta fica até mais tarde que é uma vantagem. MAIS É SEXTA FEIRA SANTA !!!!! e domingo é pascoa qual sera que seria o dia “menos pior”pra ir. sou rato de MUSEU pretendo ficar o dia todo mais nos feriados acho que vai lotar quero ver minha amada MONA kkkk me ajuda p.s. no dia que sobrar vou pra Versalhes ….

    • Fernanda Rangel

      Oi, Juliano!
      Obrigada pelo elogio! 😀
      O site oficial ainda não divulgou os horários pra 2018, mas baseando pelo calendário de 2017, eles consideraram como feriado o domingo de Páscoa e a segunda-feira de Páscoa (???). Nada foi falado sobre a Sexta-feira Santa. Isso dá a entender que funciona normalmente…
      Indo por essa informação, eu escolheria ir na sexta. Como será feriado no domingo, pode realmente estar mais cheio.
      Mas sugiro ficar de olho para quando eles atualizarem o site (acompanhe aqui).
      Abs

  51. daiane

    Parabéns!! Me ajudou muito!!

  52. Carlos Pauletto

    Parabéns pelas informações e organização. Tudo muito didático. Fácil de entender. Pegamos informações para como visitar o Louvre.
    Obrigado!

    • Fernanda Rangel

      Eu que agradeço o elogio, Carlos! 😀
      Fico muito contente pelo post ter lhe sido útil.
      O Louvre é incrível, espero que a sua visita seja tão especial quanto foi a minha.
      Abs

  53. ROSANA GONCALVES DA PENHA

    Grata surpresa desse posto ao dar um google.
    Estou indo a Paris e preocupada em como fazer uma visita produtiva no Louvre com minha mãe e vejo seu post!! Obrigada.
    Agora preciso descobrir como imprimir esse mapa. Acho que não tenho o programa instalado no meu computador. Mas isso é o de menos.
    Obrigada!!

  54. Ana Paula

    Adorei teu post Fernanda!
    Parabéns e muito obrigada pela ajuda.
    Estou indo em agosto pela primeira vez e sozinha.
    Abs

  55. Alyson

    Ótimo material, pretendo utilizar exatamente isto na minha viagem! Apenas uma dúvida: as salas com as obras estão atualizadas considerando Maio de 2018?

    • Fernanda Rangel

      Oi, Alyson!
      Obrigada pelo elogio!
      Creio que sim, porque essas peças fazem parte da exposição permanente. Mas no site oficial tem essas informações atualizadas.
      Abs

  56. Ana

    Salvou minha visita ao louvre. Obrigada!🙏🏼

  57. Melina Casagrande

    Olá Fernanda,
    Pesquisei em vários blogs e aqui estão todas as informações para ir ao Louvre. Fomos em abril e a visita foi perfeita com esse post, conseguimos ver tudoooo! Exceto o quarto de Napoleão que estava em restauro.
    Seguir a visita por alas, bem como está no post é a dica valiosa para a visita de um dia.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Melina!
      Desculpe a demora pela resposta.
      Fiquei muito contente pelo post ter sido útil para a sua visita. O Louvre é incrível, né?
      Uma pena os aposentos de Napoleão III estarem fechados. O bom é que serve de desculpa pra voltar a Paris e visitar o museu de novo… 😀
      Abs

  58. Vanessa

    Obrigada!!! Matéria excelente!

  59. Amanda

    Adorei seu blog, realmente muito bom para quem quer ter noção do que irá encontrar em Paris antes mesmo de viajar! Com certeza irá me ajudar muito!

  60. Marlene Rocha da Silva

    Olá Fernanda, é minha primeira viagem a Paris e gostei muito das dicas pra visitar o Louvre. Depois passo pra contar a minha experiência, que acontecerá amanhã. Só ficou uma dúvida: não falam sobre levar lanches ou mesmo água, pq ficarei por lá o dia todo. Se puder me orientar fico agradecida.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Marlene!
      Eu que agradeço o elogio.
      Como disse no post, há uma praça de alimentação anexa ao Louvre, com vários restaurantes. Quando a fome apertar, é só ir até lá e voltar para dentro do museu depois. 😉
      Abs

  61. Vivianne

    Olá Fernanda,
    Obrigada pelas dicas e pelo roteiro!
    Fiquei em dúvida de uma coisa, os números das salas que você citou não constam do mapa do Louvre que consta no site oficial.
    Vou seguir a sua dica de estudar o mapa antes, mas agora fiquei sem saber como descobrir a sala que a obra está.
    Se puder me ajudar, agradeço imensamente.
    Feliz 2019.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Vivianne!
      Eu que agradeço o elogio!
      Depois do seu comentário, fui dar uma olhada no site do Louvre e vi que eles não disponibilizam mais o mapa detalhado. Não tem nem mesmo a versão em português. 🙁
      Obrigada pelo aviso! 😉
      Agora eles estão selecionando algumas obras que eles consideram interessantes. Mas não dizem a sala. No máximo eles indicam esse mapa interativo aqui.
      As obras devem estar no mesmo lugar que antes. Talvez eles tenham apenas mudado os números das salas.
      O jeito é marcar tudo no mapa assim que chegar lá.
      Um feliz 2019 pra vc tb e uma excelente viagem!
      Abs

  62. Vivianne

    Fê, acabei de consultar o mapa em francês. Nele constam ainda os números das salas (diferentes daquelas mencionadas anteriormente no conteúdo). Devem ter alterado mesmo.

    Nos demais idiomas, verifiquei que Piso 1 não aparece, pode ter sido apenas um erro gráfico pois aparece o Piso 2 duplicado.

    Segue o link do mapa em Francês:

    Beijosss

    • Fernanda Rangel

      Oi, Vivi!
      Pois é, eles mudaram tudo. Achei ruim, porque não dá pra fazer o roteiro com antecedência.
      Mas nada que atrapalhe o passeio ao Louvre tb. Afinal, ele é incrível. 😉
      Bjs

  63. Deodato Julio Fabbro

    Bom dia Fernanda !
    Conheci esta sua página hoje, parabéns pelo seu esmerado trabalho nos dando dicas valiosas sobre o Louvre. Sou aposentado brasileiro, moro em Portugal e vamos (eu e minha esposa) conhecer esse super museu. Sabe, fico muito contente em saber que ainda existem pessoas altruístas como você que dedicam tempo para o próximo. Deus a abençoe!
    Muito obrigado.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Deodato!
      Eu que agradeço o seu elogio! 😀
      Fiquei muito contente pelo post sido útil para o seu planejamento.
      O Louvre é um museu incrível. Tenho certeza que vcs vão adorar essa visita!
      Deus os abençoe tb. E uma excelente viagem!
      Abs

  64. Gabriela

    Olá, Fer!
    Esse foi um dos melhores relatos sobre o Louvre que encontrei na internet, PARABÉNS E OBRIGADA! 🙂
    Fer, você sabe me informar se atualmente dá pra sair e entrar no Louvre no mesmo dia?

    Obrigada.

    • Fernanda Rangel

      Oi, Gabi!
      Eu que agradeço o elogio! 😀
      Não pode mais sair e voltar, infelizmente. Agora é tudo com dia e hora marcados (as informações estão nas caixas de atualização do post).
      Abs

  65. Calíope Trindade Oliveira

    Parabéns pelo texto! Excelente e muito útil! Sem dúvidas o mais completo que encontrei na internet! Estou indo pra Paris mês que vem, anotei várias dicas suas!!! Valeu!

  66. Fábio

    Boa tarde, Fernanda! Parabéns pelo texto!
    Me tira umas dúvidas, por favor…
    Ainda existe uma fila preferencial pra quem tem o paris museum pass ou tem que agendar obrigatoriamente?
    Se comprar o paris museum pass pela internet já consigo pegar o código do pass? Porque o site do Louvre pede essa informação na reserva.
    Obrigado!

  67. João Ruaro

    Melhor post sobre o Louvre que achei até agora. Era exatamente esse tipo de descrição que estava buscando para direcionar o meu passeio. Texto direto, com informações importantes a quem não conhece o museu. Obrigado!

Totos os direitos reservados