Dirigir na África do Sul: Mão Inglesa e Muito Mais

Dirigir na África do Sul pode ser mais simples do que você pensa. Entenda tudo sobre a mão inglesa e saiba quais são suas principais dificuldades. Tire suas dúvidas e viagem tranquilo.

Dirigindo na África do Sul

Dirigindo na África do Sul

É muito comum que os turistas decidam dirigir na África do Sul por conta própria já que muitos roteiros populares no destino dependem de um carro. Seja quem vai explorar a região do Kruger e quer conhecer a Rota Panorâmica, ou quem vai para a Cidade do Cabo e vai explorar as vinícolas e a Rota dos Jardins.

Além dos cuidados para alugar carro na África do Sul você também precisa estar preparado para as diferenças de dirigir um carro no país africano. As dificuldades começam já na mão inglesa mas não para por aí.

Neste artigo vamos mostrar que não é complicado dirigir na África do Sul, você apenas precisa estar bem informado e precavido em relação a alguns pontos.


Dirigir na África do Sul

Bom, agora você já sabe como alugar o carro e leu todas as dicas e cuidados que precisa tomar para evitar problemas, vamos falar sobre a direção na África do Sul.

As principais estradas do país são realmente muito boas. Elas são sinalizadas com a letra N. Chegamos a dirigir pela N4, N2 e N1.

Se por um lado as rodovias principais são boas, por outro você pode pegar estradas menores em condições bem ruins. As estradas sinalizadas com a letra R são menores e podem não estar em boas condições. Embora você deva evitar, não tem jeito, em algum momento você vai precisar pegar estradas menores. Nós pegamos algumas em bom estado e também algumas em péssimo estado.

Também encontramos muitas obras nas estradas que podem atrasar bastante o trajeto até o seu destino. Eles gostam de uma obra em estrada por lá.

Pedágios da África do Sul

Principalmente nos arredores de Joanesburgo você vai encontrar muitos pedágios. Os mais baratos são na faixa de 15 ou 20 randes, mas existem outros mais caros que podem chegar a 90 randes. Para seguir a estrada até a região do Kruger você passará por uns 4 ou 5 pedágios. Separe uns 200 randes por garantia, só pensando no trecho de ida.

Na região da Cidade do Cabo, até porque os trajetos turísticos são mais próximas, só pegamos estradas boas. Pagamos um único pedágio, na Chapman's Peak, que custou 50 randes. Vale cada centavo porque esse trecho é simplesmente incrível.

E a Permissão Internacional para Dirigir (PID)?

No artigo sobre como alugar carro na África do Sul detalhamos essa questão da PID. Saiba se ela é obrigatória no momento do aluguel e até em uma abordagem policial.

Sinalização de Trânsito na África do Sul

Outro ponto que acho importante comentar é a sinalização. De uma forma geral as estradas na África do Sul são muito bem sinalizadas. A maioria das placas são equivalentes as que temos aqui ou são bem intuitivas. Mas preciso comentar que sim, encontramos placas que nós simplesmente não sabíamos o significado. Em especial uma com o símbolo de proibido e uma letra S por cima. Se você souber o que essa placa quer dizer, deixa um comentário.

Mas no geral foi fácil entender a sinalização. Só fique atento pois lá eles fazem umas combinações de placas. Você precisa interpretar o que elas querem dizer juntas, mas como eu disse é bem intuitivo. Por exemplo, numa rodovia onde a velocidade máxima permitida é 80 km/h, pode existir uma placa falando em 40 km/h logo abaixo de uma placa com símbolo de neblina. Ou seja, o limite é 80 km/h mas se tiver neblina é de 40 km/h.

Mão Inglesa na África do Sul

Agora sim vamos falar da parte que você deve estar mais preocupado, a mão inglesa. A primeira dica eu já dei, na hora de alugar o carro escolha um veículo automático. Isso certamente será fundamental para sua adaptação.

Durante as primeiras horas de direção você precisará ter atenção redobrada. Você precisa se acostumar a pensar em mão inglesa. Não é difícil só exige uma concentração maior.

Quando você está andando reto em uma rua é mole, só seguir o fluxo. Os cruzamentos que podem parecer confusos no início, já que a tendência seria fazer a curva e entrar na pista da direita. Depois de um tempo as coisas já ficam mais naturais e você já começa a fazer a coisa certa de forma automática.

Dirigir na África do Sul

Dirigir na África do Sul

Outras Dificuldades da Mão Inglesa

Existem dois pontos importantes, que eu não lido a respeito em lugar nenhum, e que me causaram alguma dificuldade no início: usar a seta e manter o carro no centro da faixa.

De quem foi a ideia de inverter os controles da seta e do limpador de para-brisa? Precisava, sério? Nas primeiras 3 horas de direção eu perdi a conta de quantas vezes liguei o limpador de para-brisa enquanto tentava ligar a seta. Depois de um tempo você começa a dar uma paradinha, vai com a mão errada, para e vai com a certa. Com o passar dos dias já fica automático e você já começa a ligar a seta sem problemas.

Graças a Deus não inverteram os pedais do acelerador e freio. Serio, seria impossível dirigir dessa forma.

Alugar um carro pode ser uma ótima opção

A melhor forma de explorar um novo destino, com liberdade total, é alugando um carro. Em muitos casos você poderá economizar, evitando despesas com translados e deslocamentos em geral. Será que vale a pena? Faça uma cotação online na RentCars e encontre as menores tarifas entre as principais locadoras. Você tem a vantagem de poder pagar em reais, sem IOF, e ainda parcelar no cartão.

O último aspecto que quero comentar é sobre a posição do carro dentro da faixa. Tenha atenção redobrada nesse ponto principalmente nos primeiros dias. No Brasil o motorista fica alinhado a esquerda do carro e é deste lugar que posicionamos o carro dentro da faixa. Como na mão inglesa o volante fica do lado direito você precisa reorganizar seu cérebro para fazer o alinhamento correto.

Quem não ta acostumado provavelmente vai deixar o carro descair um pouco para a esquerda no começo. Peça ajuda ao seu co-piloto. Minha esposa passou o primeiro dia todo reclamando avisando que o pneu já estava pegando a faixa do lado ou o acostamento. Depois de uns dias você começa a entender melhor essas questões e usar a linha da direita da faixa para se alinhar.

Pior é chegar no Brasil e ter que se acostumar de volta. Isso aconteceu comigo, mas foi coisa bem rápida. Uns 30 minutinhos dirigindo já tinha "virado a chave" de volta.

Posto de Combustível na África do Sul

Na África do Sul os postos de combustível funcionam basicamente como no Brasil. Basta você encostar o carro em uma bomba que um frentista virá te atender.

Não é preciso nem sair do carro, basta liberar o compartimento de combustível do veículo. Eu particularmente sempre saia do carro e ficava olhando o abastecimento. Acho que essa atitude pode evitar qualquer problema ou inibir um eventual golpe.

Para pagar é só entregar o valor ao frentista que ele irá até o caixa processar o pagamento. Havendo troco, ele trará para você. Sempre pagamos em dinheiro, mas certamente é também possível pagar com cartão de crédito. Neste caso não sei se eles trazem uma maquininha ou se o motorista precisa ir ao caixa. O frentista certamente dará as instruções.

Veja Também:

Moeda da África do Sul: Dicas de Câmbio

Seguro Viagem África do Sul: É Obrigatório? Qual Escolher?

Como em qualquer lugar na África do Sul, as pessoas sempre esperam uma gorjeta. Chega a ser chato. Eu arredondei o valor para cima em alguns casos, dizendo que poderia ficar com o troco. Em outros acabei dando o valor certo e pronto.

O único ponto que é diferente do Brasil é o nome do combustível. Lá eles tem o Diesel e o Petrol. Eles não chamam de gasoline ou gas como nos Estados Unidos. Na África do Sul eles chamam de Petrol. Então basta pedir para encher o tanque de petrol ou para colocar tantos randes de petrol. Super simples.

GPS é Fundamental

Eu nem precisaria falar sobre isso aqui, mas vamos lá. Sim, é fundamental ter um GPS a disposição. Eu tenho um aparelho antigo de GPS da Garmin que sempre levo nas viagens. Se você não tem, se programa para pegar um na locadora.

Se você pretende usar o celular para navegação, tome alguns cuidados. Baixe com antecedência o aplicativo e os mapas da região. Eu não iria contando com a conexão de internet, mesmo que você compre um chip antecipadamente.

Internet no celular durante a viagem

Não dá mais pra viajar para o exterior sem internet no celular. Para fugir das altas tarifas das operadoras a melhor solução é comprar um chip internacional antecipadamente e já chegar no destino com tudo funcionando. A Easysim4u oferece plano de dados em 210 países, com conexão de internet ilimitada. Compre com 10% de desconto usando o nosso cupom exclusivo: PARAVIAGEM10.

A qualidade da conexão nas principais cidades é ótima, mas quando se está dirigindo por alguma estrada mais afastada você pode ter alguma dificuldade de sinal. Claro que você pode usar eventualmente, nós inclusive usamos, mas não dependíamos da conexão de internet já que tínhamos o aparelho de GPS. Considere também a bateria do celular caso esteja contando com ele, afinal na volta de algum passeio você pode ficar sem bateria.

Com essas informações eu tenho certeza que você não terá muita dificuldade para dirigir na África do Sul e provavelmente evitará muitos imprevistos. Espero que você tenha gostado das dicas e da nossa experiência. Qualquer coisa é só deixar um comentário.

Vai Viajar?

 Encontre o hotel perfeito para sua próxima viagem com garantia do menor preço. O nosso blog tem parceria com o Booking, serviço que te ajuda a comparar preços de hospedagem em qualquer lugar do mundo de maneira rápida e segura. Você ainda pode fazer uma reserva com a opção de cancelamento gratuito e deixar para pagar só na hora do check-in. Garanta sua reserva de hotel agora mesmo.

 Antes de alugar um carro, faça uma comparação entre as principais locadoras do Brasil e do mundo. A nossa parceira RentCars te ajuda nessa busca de preços e oferece todas as opções de forma rápida e segura. A cobrança poderá ser feita em reais, sem IOF. Divida em até 12 parcelas no cartão de crédito ou aproveite um desconto de 5% no boleto bancário. Compare os valores e economize.

 Não esqueça do seguro viagem. Economize tempo e dinheiro fazendo uma cotação na Seguros Promo. Encontre os melhores planos das principais seguradoras por preços imbatíveis. Pagamento no cartão de crédito em até 12 parcelas ou com desconto no boleto bancário. Ganhe 5% de desconto adicional comprando seu seguro com nosso cupom de desconto: PARAVIAGEM05.

 Compre um chip internacional e se mantenha conectado durante sua viagem. A Easysim4u oferece plano de dados em 210 países, com conexão de internet ilimitada. Você informa o número de dias da viagem, recebe o chip em sua casa, de forma antecipada, e chega em seu destino com tudo funcionando. Compre com 10% de desconto usando o nosso cupom exclusivo: PARAVIAGEM10.

Reservando com nossos parceiros, além de garantir o menor preço e um serviço de qualidade, você também ajuda a manter o blog e nos motiva a produzir cada vez mais conteúdo.


Totos os direitos reservados